PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

1

1

Galiza

Rio Minho: Há três concelhos galegos que também querem nova ponte – Onde ficaria?

17 Dezembro, 2023 - 12:50

3855

0

Reforçar ligação com Portugal.

Se do lado de cá o sonho é grande, do lado de lá do rio Minho o cenário não é diferente.

 

Os concelhos de Salvaterra de Miño, Tomiño e As Neves também reividicam uma nova ponte sobre o rio Minho, por forma a reforçar a ligação com Portugal, avança o jornal Atlántico.

 

Recorda aquele jornal que as pontes mais recentes têm mais de 25 anos e, realça, há mais de 30 existia “apenas a ponte centenária” entre Valença e Tui.

 

 

Três propostas e uma quarta “inviável”

Refere o Atlántico que, nesta altura, há três propostas em cima da mesa. Há também uma quarta, entre A Guarda e Caminha mas que, lê-se, foi já considerada “inviável”.

 

As outras três passam por ponte em As Neves, ponte pedonal entre Tomiño e Vila Nova de Cerveira, ou uma ponte entre Salvaterra de Miño e Monção com ligação à plataforma logísitica Plisan.

 

 

 

A preferência da CIM

Recorde-se que, em outubro do ano passado, o Presidente da Comunidade Intermunicipal (CIM) Alto Minho, Manoel Batista, revelou à Rádio Vale do Minho aquele que julga ser o melhor local para uma nova ponte sobre o rio Minho.

 

“Ficaria entre Monção e Melgaço… que ligasse à PLISAN [Plataforma Logística e Industrial de Salvaterra-As Neves]”. É esta a ideia do presidente da Comunidade Intermunicipal (CIM) do Alto Minho, Manoel Batista, que a partilhou aos microfones da Rádio Vale do Minho.

 

Quanto custaria? As estimativas apontam atualmente para 50 milhões de euros.

 

A Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, também designada por CIM Alto Minho, foi constituída a 15 de outubro de 2008 como pessoa coletiva de direito público, ao abrigo da Lei n.º 45/2008 de 27 de agosto, que estabelece o regime jurídico do associativismo municipal, englobando os municípios que correspondem à Unidade Territorial Estatística de Nível III (NUT III) do Minho-Lima: Arcos de Valdevez, Caminha, Melgaço, Monção, Paredes de Coura, Ponte da Barca, Ponte do Lima, Valença, Viana do Castelo e Vila Nova de Cerveira.

 

É regida atualmente pela Lei 75/2013 de 12 de setembro, que, entre outros, aprova o novo estatuto das entidades intermunicipais e estabelece o regime jurídico de transferência de competências do Estado para as entidades intermunicipais.

 

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas