PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

2

Monção

Monção: Bispo vai enviar carta aos paroquianos a “pedir desculpa” por padre “que os enganou”

24 Janeiro, 2023 - 17:22

2946

1

André Gonçalves, que foi padre em Monção, acusado de abuso sexual de menor.

O Bispo de Viana do Castelo, D. João Lavrador, garantiu esta terça-feira que vai mandar nos próximos dias “uma carta aos paroquianos que ele serviu” para pedir “desculpa e perdão” pela “preocupação muito grande de verem que afinal alguém que esteve à sua frente os enganou”.

 

Segundo o jornal O Minho, D. João Lavrador falava aos jornalistas no final de uma sessão de apresentação da mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial da Comunicação Social “Falar com o Coração”.

 

Recorde-se que o visado é André Filipe da Costa Gonçalves, sacerdote no concelho de Monção, que  confessou já o crime de abusos sexuais de menores, revelou a Diocese de Viana do Castelo.

 

 

Jovem de 17 anos garante rejeita “abuso”

Entretanto, em declarações à Rádio Vale do Minho, o jovem de 17 anos que alegadamente terá sido vítima de abuso sexual pelo então padre André Gonçalves, de Monção, garantiu que o Bispo de Viana do Castelo, D. João Lavrador “insistiu, mesmo tendo o ministério público referido que o acontecido não era abuso, em publicar o comunicado referindo o sacerdote como pedófilo”.

 

Confirmou ainda que “o que aconteceu entre mim e o Padre André Filipe Gonçalves foi com o consentimento dos dois, o que não deixa de constituir um problema para o sacerdote”.

 

No entanto, o jovem continua a rejeitar qualquer tipo de “abuso”.

 

“Confrontado com a denúncia admitiu o facto de se ter envolvido comigo e não, como referia o comunicado, ter abusado de mim”, corrige.

 

D. João Lavrador mostra-se irredutível.

 

“Espero que ele até já esteja fora das paróquias”, declarou, citado ainda pelo jornal O Minho.

 

 

[Fotografia: Arquivo/Rádio Vale do Minho]

Últimas