Menu

+

0

0

Espanha

Introduziam migrantes e droga na Europa com lanchas feitas em Portugal

12 Janeiro, 2024 - 15:03

491

0

Tráfico.

A Guardia Civil espanhola deteve 30 pessoas suspeitas de integrarem um grupo criminoso que se dedicava à introdução de grande escala de cocaína e haxixe, cultivo e distribuição de canábis, bem como tráfico de migrantes provenientes de Marrocos.

 

As embarcações usadas, avança o La Voz de Galicia, eram produzidas em Portugal e em Pontevedra. 

 

Foram feitas dezenas de buscas em várias províncias, entre estas Pontevedra.

 

Foram apreendidos 12 barcos, incluindo barcos de alta velocidade, uma dezena de motores de barco de 350 HP, dinheiro em diferentes moedas cujo valor ascende os 200 mil euros, inúmeros reboques, bem como um camião militar usado para o transporte e lançamento de embarcações.

 

Entre os detidos, avança o mesmo meio, está ‘Bubu’, “líder da organização” e o criminoso mais ativo no sul de Espanha.

 

Nesta operação estiveram destacados mais de 250 agentes de diferentes unidades da Guarda Civil de toda a Espanha e contou com o apoio de agências internacionais como a Polícia Judiciária, a Europol, a DEA, o FBI, a Guarda Costeira dos Estados Unidos, a Real Gendarmaria Marroquina e a Polícia Real de Gibraltar.

 

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas