PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Caminha

Caminha investe mais de 400 mil euros em transportes escolares

7 Julho, 2022 - 13:50

289

0

Medida aprovada em reunião do Executivo Municipal.

O Plano de Transportes Escolares para o ano letivo de 2022/2023 foi aprovado esta quarta-feira em reunião do Executivo Municipal, num investimento que ultrapassa os 400 mil euros. Prevê-se que o Município assegure gratuitamente o transporte a mais de 700 crianças e jovens.

 

Desde o ano letivo de 2015/2016 são abrangidos também os alunos do Ensino Secundário, medida tomada na altura com o objetivo de apoiar economicamente as famílias e incentivar os estudantes a prosseguirem os estudos, como explicou então o Presidente da Câmara, Miguel Alves.

 

O documento aprovado agora foi concertado com o Agrupamento de Escolas de Caminha e baseia-se na previsão de matrículas, processo que não está finalizado. O Plano de Transportes Escolares para o ano letivo de 2022/2023 poderá ainda ser reajustado, como explicou a Vereadora da Educação, Liliana Ribeiro.

 

Neste momento os dados já conhecidos apontam para um pouco mais de 700 alunos, dos diferentes graus de ensino, e um valor de cerca de 412 mil euros.

 

No concelho de Caminha, os transportes escolares são assegurados pela Câmara Municipal de Caminha para todos os alunos que frequentam a escolaridade obrigatória, desde o Pré-Escolar ao Ensino Secundário.

 

Este serviço é gratuito e disponibilizado sempre e quando esta necessidade se verifique.

 

O Município oferece o serviço de transporte entre o local da residência e os estabelecimentos de ensino, aos alunos que residam a mais de 3 quilómetros do equipamento escolar que frequentam.

 

“Ainda é assegurado o transporte aos alunos que vivem a menos de 3 quilómetros do estabelecimento de ensino, cujo acesso à escola é difícil, mediante avaliação dos serviços camarários, a requerimento dos encarregados de educação”, aponta a autarquia em nota enviada.

 

Os transportes escolares são assegurados pelas carreiras regulares em funcionamento na área do Município, complementados com os serviços de transporte assegurados quer pelo serviço de transportes da Câmara Municipal de Caminha, quer pelas Juntas de Freguesia e Associações do concelho – enquanto entidades parceiras – através da celebração de contratos interadministrativos ou através da atribuição de subsídios.

 

 

 

[Fotografia: Arquivo/Município Caminha]

Últimas