PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

País

SCUTS: Parlamento discute hoje propostas da oposição para revogar a obrigatoriedade de instalação de chips nas matrículas

24 Junho, 2010 - 10:31

92

0

O Parlamento discute hoje propostas da oposição para revogar a obrigatoriedade de instalação de chips nas matrículas, mas a aprovação dos diplomas mantém-se em aberto, enquanto PSD e Governo procuram um entendimento quanto a política de portagens. Comissão de Utentes contra portagens nas SCUT aguardam "final feliz".

O Parlamento discute hoje propostas da oposição para revogar a obrigatoriedade de instalação de chips nas matrículas, mas a aprovação dos diplomas mantém-se em aberto, enquanto PSD e Governo procuram um entendimento quanto a política de portagens.
PSD, CDS, Bloco de Esquerda e PCP propõem, ao final desta tarde, em plenário diplomas para revogar o diploma do Governo, aprovado na anterior legislatura, que prevê a instalação obrigatória de dispositivos eletrónicos de matrícula, forma de cobrança nas novas vias a serem portajadas a partir de 1 de Julho.
As comissões de utentes das três SCUTS do Norte reuniram ontem com os grupos parlamentares para expôr as suas preocuapções. Se daí Jorge Passos saiu confiante no voto contra da oposição, as últimas noticias que dão conta de um possivel entendimento entre PS e PSD vieram colocar muitas dúvidas.
No entanto, o porta-voz do "Movimento Naturalmente Contra a Introdução de Portagens na A28" espera que "o bom-senso fale mais alto".
Se estes diplomas forem aprovados, ficará inviabilizada a intenção do Governo de iniciar a 01 de julho a cobrança de portagens nas SCUT (vias sem custos para o utilizador) do Grande Porto, Norte Litoral e Costa da Prata.
No entanto, a bancada do PSD ainda não esclareceu qual será a sua posição no debate de hoje, depois de na quarta feira ter discutido a política de portagens com o Governo, num encontro que terminou sem acordo.

Últimas