PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

País

País: GNR fiscalizou explorações pecuárias… e viu quase de tudo (incluindo insalubridade e falta de bem estar animal)

31 Março, 2023 - 10:57

954

0

Elaborados 63 autos de contraordenação.

A GNR, através do Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente (SEPNA) do Porto, realizou entre os passados dias 20 e 24 de março uma operação dedicada às explorações pecuárias, no distrito do Porto.

 

No âmbito de uma ação de fiscalização para verificação do exercício da atividade pecuária, bem-estar animal, sanidade e identificação animal, os militares da fiscalizaram 31 explorações pecuárias.

 

No seguimento das diligências policiais foi apreendido um veículo frigorífico com diversos produtos de origem animal congelados que por não se encontrarem em condições de consumo, foram entregues a uma empresa devidamente certificada, com destino à sua inceneração.

 

Durante a ação policial foram elaborados 63 autos de contraordenação, destacando-se:

  • oito por falta de marcação auricular individual de caprinos e ovinos;
  • oito por falta de licenciamento do Regime do Exercício de Atividade Pecuária (REAP);
  • oito por falta de condições de transporte de animais;
  • oito por falta de documentação de canídeos;
  • sete por Rejeição de Efluentes Pecuários; cinco por falta de Guia de Limpeza de Desinfeção de veículos;
  • quatro por falta de autorização de transportador;
  • quatro por falta de Registo no Sistema Nacional de Importação e Registo Animal (SNIRA);
  • quatro por insalubridade e bem estar animal;
  • dois por detenção de medicamentos veterinários sem receita;
  • dois por excesso de animais;
  • dois por falta de sistema de deteção de incêndios;
  • um por falta de identificação de equídeo.

 

A ação contou com o reforço da estrutura SEPNA dos Destacamentos Territoriais de Amarante, Felgueiras, Matosinhos, Penafiel, Santo Tirso e Vila Nova de Gaia e com o apoio da Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE), da Direção Regional de Agricultura e Pescas do Norte (DRAPN), da Direção de Serviços de Alimentação e Veterinária da Região do Norte (DSAVRN) e da Direção de Alimentação e Veterinária (DAV) do Porto e Braga.

 

 

[Fotografia: GNR Porto]

Últimas