PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

2

2

Paredes de Coura

P. Coura: Esta freguesia não vê um cortejo há mais de 25 anos – Vem aí um (inédito!)

12 Maio, 2023 - 20:39

2109

0

Cortejo Regional.

A freguesia de Infesta, em Paredes de Coura, não vê um cortejo (seja de em que contexto for) há mais de 25 anos. O último, conta-se, data de 1996.

 

Mais de 25 anos depois, fruto da generosidade do povo, realiza-se no próximo domingo um cortejo regional onde também vão ser leiloados troncos (para lenha) e tabuleiros com produtos regionais.

 

A ideia partiu dos jovens da freguesia que, nos últimos meses, têm vindo a angariar fundos para a participação nas Jornadas Mundiais da Juventude, em Lisboa.

 

Realizaram uma mini-feira à porta da Igreja, cantaram as janeiras… e, ao fazerem contas, ainda faltava uma pequena verba para alcançar o montante que precisavam.

 

 

 

Pároco foi grande e o coração do povo foi enorme

Sabendo desta situação, o Pároco da freguesia teve uma ideia.

 

Durante a Eucaristia apelou aos fiéis para que, quem pudesse, oferecesse gentilmente “um pau” [tronco de árvore] para que pudesse ser convertido em lenha pelos jovens.

 

Seria depois vendida, para que pudessem alcançar o dinheiro que lhes faltava.

 

Só que aconteceu o inesperado. A generosidade do povo foi tanta e os troncos começaram a ser tantos, que os jovens – para além da verba alcançada – tiveram que elaborar um outro plano para dar seguimento a tantos troncos.

 

Surge então a ideia de realizar um “cortejo regional”.

 

 

Mais de 100 tratores carregados e dezenas de tabuleiros

Só mesmo os números podem dar ideia da real dimensão da generosidade da freguesia.

 

“Estão previstos 100 tratores de paus de pinho, carvalho e eucalipto e 100 carrinhas de lenha já cortada. Os tabuleiros e cestos guarnecidos com produtos regionais serão uns 20”, referiu fonte da organização à Rádio Vale do Minho.

 

“Os jovens, em conjunto com os veículos e com os tabuleiros, vão desfilar em cortejo pela freguesia. E depois, trator a trator… carrinha a carrinha… tabuleiro por tabuleiro… vai ser tudo leiloado”, contou a mesma fonte.

 

E para onde vai o dinheiro? “Para as obras de melhoramento da Igreja Paroquial de Infesta”, respondeu prontamente.

 

 

 

Espera-se um evento grandioso como há muito não se via

Nascida totalmente da generosidade da população, a ideia está evidentemente a provocar grande entusiasmo em cada casa de Infesta.

 

Pais ajudam filhos e famílias inteiras preparam aquilo que se adivinha um longo cortejo.

 

“Todos os participantes vão com trajes tradicionais. À moda antiga. Será mesmo um cortejo regional”, assegurou a organização à Rádio Vale do Minho.

 

O início do desfile está marcado para as 12h00, em frente à Junta de Freguesia de Infesta, com “um recinto excelente para piquenique, bar de apoio com venda de bifanas, bolo tacho, moelas, bolos, crepes”.

[Fotografia: Cedida à Rádio Vale do Minho]

Últimas