PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

1

0

Monção

Monção: Caso do padre suspenso por abusos sexuais de menores já está no Ministério Público

24 Janeiro, 2023 - 08:30

4075

0

Tem 39 anos. Prestava serviços nas paróquias de Abedim, Bela, Cambeses, Longos Vales, Portela e Sago.

O caso do padre de Monção que confirmou ter abusado sexualmente de um menor já foi comunicado ao Ministério Público (MP), segundo o Correio da Manhã (CM).

 

De acordo com aquele jornal, os “abusos” aconteceram durante o ano passado. No entanto, garantiu fonte da Diocese, todos fora de lugares e instituições diocesanas.

 

Refere ainda o CM que não existe mais nenhuma denúncia em relação a este ou outro padre da diocese de Viana do Castelo.

 

A Polícia Judicária continua as investigações.

 

O padre André Filipe da Costa Gonçalves, sacerdote no concelho de Monção, confessou o crime de abusos sexuais de menores, revelou a Diocese de Viana do Castelo.

Em comunicado, a diocese refere que recebeu um denúncia “no âmbito dos abusos sexuais de menores, visando o padre André Filipe da Costa Gonçalves, tendo a mesma diocese comunicado a notificação às autoridades civis e canónicas competentes”.

 

O padre de 39 anos já foi confrontado pela Diocese e “confirmou os factos de que é acusado”. Prestava serviços nas paróquias de Abedim, Bela, Cambeses, Longos Vales, Portela e Sago, naquele concelho.

 

Comunicou ainda a sua decisão de se “afastar do exercício das suas funções”.

 

No mesmo comunicado, a diocese de Viana reforça que o sacerdote está “proibido de exercer publicamente o ministério”.

 

 

[Fotografias: DR]

Últimas