PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

2

1

Melgaço

Melgaço: Está à procura de um Alvarinho “exclusivo”? Chama-se ‘Patriam’ e é de garrafas numeradas

27 Outubro, 2022 - 11:02

889

0

Nasce a partir de quatro lotes distintos dos anos de 2017, 2018, 2019 e 2020.

A Quintas de Melgaço, que representa 530 produtores da região, apresenta QM Patriam, a primeira edição deste vinho exclusivo, numerada e limitada a 3.276 garrafas. Inspirada no orgulho e paixão pela terra, a empresa vitivinícola criou este vinho ímpar, um branco 100% Alvarinho.

 

Estagiado em inox e barrica, é um blend que nasce a partir de quatro lotes distintos dos anos de 2017, 2018, 2019 e 2020, em que o 2019 foi feito apenas em inox e as restantes colheitas resultam da combinação de inox e madeira usada.

 

QM Patriam “é uma ode à pátria, à região e às gentes de Melgaço que, diariamente, cuidam dos seus terroirs e cultivam as melhores uvas de Alvarinho, que originam vinhos excecionais”, refere a empresa. O QM Patriam “é uma homenagem à terra, à alma, ao conhecimento e à tradição e assenta numa história verdadeira e envolvente, num forte conceito de união e de trabalho que traduz a singularidade deste vinho”.

 

“A prática da empresa ir armazenando lotes de cada colheita tem sido cumprida, há já alguns anos, com o objetivo de se apostar, no futuro, na produção de novas edições especiais, de muita qualidade e lançadas em quantidades reduzidas, e que enaltecem ainda mais a nobre casta Alvarinho. O QM Patriam é a primeira concretização desta vontade antiga que tínhamos de fazer vinhos especiais e o resultado é tão bom que promete ficar para a história como um branco de grande nível”, refere Pedro Soares, administrador da Quintas de Melgaço.

 

“É límpido e de cor citrina; no nariz revela notas de floral fresco, com ligeiro fruto seco a complexar; na boca muito suave, consistente, volumoso, com uma acidez envolvente a suportar o conjunto. Final de boca longo e muito persistente. É complexo, rico e com anos pela frente. A temperatura de consumo é entre 10-12ºC e pode acompanhar marisco e peixe, de confeção criativa ou tradicional”, explica.

 

A identidade desta edição especial é da autoria da Rita Rivotti e a equipa apostou em tons, materiais e acabamentos nobres, clean e minimalistas, em linha com o posicionamento pretendido para este vinho exclusivo, que se encontra disponível no mercado com uma imagem envolvente, atrativa e premium e tem o Preço de Venda ao Público recomendado de 55 euros.

 

 

 

Novo QM Patriam é de edição numerada e limitada

[Fotografia: Quintas de Melgaço]

 

Sobre a Quintas de Melgaço

Nascida na década de 1990, a Quintas de Melgaço é um projeto único em Portugal e os primeiros capítulos da sua história foram escritos pelas mãos de um filho da terra, Amadeu Abílio Lopes, que detinha um forte espírito empreendedor.

Rumou ao Brasil, em meados do séc. XX, para crescer e se afirmar como empresário industrial de referência. Apesar do sucesso alcançado, nunca esqueceu a sua terra de berço e regressou, anos mais tarde, para investir em Melgaço e potenciar o crescimento do concelho. Com a sua audácia e visão inovadora, desafiou pequenos e médios produtores vitivinícolas a juntarem forças e a trabalharem, em conjunto, na produção e promoção do potencial dos vinhos da região e da nobre casta Alvarinho.

O projeto rapidamente ganhou escala e tornou-se num importante motor de desenvolvimento para a comunidade e para Melgaço, já reconhecida, em todo o mundo, pela produção de vinhos Alvarinho de qualidade excecional. Nascia, assim, a sociedade Quintas de Melgaço, constituída, atualmente, por 530 membros acionistas que defendem a sua terra, as suas gentes e a sua origem e produzem vinhos que refletem toda a essência e cultura da região, um exemplo vivo da vontade e prosperidade dos produtores da sub-região de Monção e Melgaço.

 

 

[Fotografias: Quintas de Melgaço]

Últimas