Menu

+

0

0

Alto Minho

Alto Minho: Mulheres Socialistas querem mais e melhores acessibilidades à Saúde [FOTOS]

27 Fevereiro, 2023 - 19:15

1170

0

Líder nacional das Mulheres Socialistas à Rádio Vale do Minho.

As Mulheres Socialistas (MS) defendem mais e melhores acessibilidades à saúde no distrito de Viana do Castelo. Esta foi uma das conclusões saídas do périplo realizado no passado fim-de-semana pela MS-ID (Mulheres Socialistas – Igualdade e Direitospelo Alto Minho.

 

Intitulada No Território com as Pessoas, a iniciativa arrancou em Viana do Castelo, com uma visita ao Hospital de Viana do Castelo onde a líder nacional das MS, Elza Pais, acompanhada pela dirigente distrital, Sandra Vieites, teve uma reunião com a Associação dos Amigos da Maternidade e da Mulher.

 

Em declarações à Rádio Vale do Minho, Elza Pais enalteceu a qualidade dos profissionais desta unidade. No entanto, destacou a carência de acessibilidades nesta região do País.

 

“Estamos num distrito muito envelhecido. E o envelhecimento é mais forte no feminino do que no masculino. A questão das acessibilidades nos territórios pode dificultar este acesso que as mulheres necessitam em todas as idades”, disse Elza Pais.

 

 

 

 

A comitiva seguiu depois para Paredes de Coura onde, na Casa do Conhecimento, participou num debate sobre Violência Doméstica: a realidade no Alto Minho.

 

Sobre este tema, Elza Pais destacou desde logo que 85% das vítimas de violência doméstica são mulheres. Elogiou as estruturas de apoio a estes casos já existentes no distrito.

 

 

Mulheres Socialistas em Paredes de Coura, a debater a Violência Doméstica

[Fotografia: DR]

 

 

No entanto, lamentou, os números continuam lá e há trabalho a fazer.

 

“Quando a estrutura de apoio se envolve no acolhimento e na proteção a estas vítimas, elas ficam muito mais protegidas”, destacou.

 

“Claro que aqui, como em todas as áreas, há problemas que vão sendo identificados. Temos políticas muito musculadas relativamente à proteção das vítimas, mas continuamos a ter dados que nos incomodam bastante”, sublinhou a líder socialista.

 

“Apesar de tudo o que foi feito, não está tudo feito. É preciso continuar a evoluir no apuramento minucioso de necessidades específicas para que as nossas políticas sejam cada vez mais eficazes”, defende.

 

 

 

 

Ainda em Paredes de Coura, as MS visitaram o Atelier de Artesanato onde é feita a emblemática Rosa Courense, patenteada pela artista Margarete Barbosa.

 

 

 

Mulheres Socialistas visitaram o berço da Rosa Courense, em Paredes de Coura

[Fotografia: DR]

 

 

 

Elza Pais mostrou-se encantada com a emblemática figura.

 

“Uma mulher que está sempre atenta a tudo o que a rodeia. Não tem descanso, nem quando dorme nem quando está acordada. São peças fantásticas por transmitirem a imagem de uma mulher forte, de uma mulher mãe e um coração sempre em funcionamento”, descreveu.

 

 

 

 

 

O dia terminou com um jantar convívio num restaurante daquele concelho.

 

Durante estas visitas, Elza Pais esteve acompanhada pela Estrutura Federativa das Mulheres Socialistas de Viana do Castelo, Federação do Partido Socialista e pela Federação da Juventude Socialista de Viana do Castelo e por vários militantes.

 

 

 

[Fotografia capa: DR]

Tópicos:

#Política

Últimas