PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

França

Restos mortais de portuguesa assassinada em França já foram trasladados

15 Fevereiro, 2024 - 12:27

423

0

Suspeito do crime já foi detido.

Os restos mortais de Diana Santos, emigrante portuguesa assassinada e desmembrada em França, já estão em Portugal.

 

De acordo com o Notícias ao Minuto, que cita o jornal luxemburguês em língua portuguesa Contacto, mais de um ano depois de serem encontrados em França e na Alemanha, os restos mortais da portuguesa já foram trasladados do Luxemburgo – onde era emigrante – para Portugal.

 

A família pode agora avançar com as cerimónias fúnebres.

 

A família quer que o corpo de Diana seja enterrado em Vila do Conde, cidade onde vive a mãe e o filho.

 

De notar que a investigação ficou a cargo do Luxemburgo, uma vez que era onde a vítima vivia e, até então, só um suspeito foi detido.

 

Trata-se de Said Banhakeia, cidadão marroquino, de 48 anos, que está em prisão preventiva desde outubro de 2022.

 

O homem é tio de Gibran, alegado marido de Diana, na sequência do que terá sido um casamento arranjado, que se encontra desaparecido.

 

O caso remonta a setembro de 2022, quando o corpo de Diana foi desmembrado, tendo sido encontrados restos mortais em Mont-Saint-Martin, na fronteira francesa com o Luxemburgo.

 

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas