PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

1

Mundo

Português detido em Marrocos por crimes de contrafação

13 Fevereiro, 2024 - 11:18

324

0

Era alvo de um alerta vermelho da Interpol.

Um cidadão português, de 44 anos, foi detido no Aeroporto Internacional de Rabat-Salé, em Marrocos, no domingo, por ser alvo de um mandado de detenção internacional emitido pelas autoridades judiciárias francesas.

 

Segundo o o Notícias ao Minuto, que cita a imprensa marroquina, o homem foi detido à chegada vindo “de um aeroporto europeu”, após os procedimentos de segurança terem revelado que era alvo de um alerta vermelho da Interpol, pedido pelas autoridades francesas.

 

Um alerta vermelho, recorde-se, é um pedido de um Estado aos países-membros da Interpol para localizar e prender provisoriamente uma pessoa, com vista a extraditá-la, entregá-la ou a ação legal semelhante.

 

O homem, segundo a imprensa marroquina, foi condenado por crimes de contrafação e distribuição internacional e ficará detido até ao processo de extradição. 

 

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas