PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Espanha

País: Viu este homem? É procurado pela PJ e pela Polícia Nacional espanhola

25 Março, 2022 - 01:24

1064

0

Clóvis Abreu.

A Polícia Nacional espanhola anunciou esta quinta-feira, através das redes sociais, que está à procura de um dos suspeitos do homicídio do agente da PSP, Fábio Guerra, vítima das brutais agressões a que foi sujeito à porta de uma discoteca em Lisboa.

 

“Este homem é suspeito do homicídio de uma polícia em Lisboa e pode encontrar-se em Espanha. Se tiver qualquer informação sobre ele, escreva-nos”, lê-se na legenda da publicação no Twitter. “Por favor partilhe, para que toda a agente veja esta informação”, acrescentam.

 

 

 

 

 

As buscas recaem sobre Clóvis Abreu, um jovem de 24 anos, filho de um homem que, em Dezembro de 2020, foi morto pela GNR quando reagiu a tiro a um mandado de detenção, em Fernão Ferro, Seixal, que também já estava a ser procurado pela PJ.

 

Recorde-se que Fábio Guerra morreu na segunda-feira pelas 9h58, “vítima das graves lesões cerebrais que sofreu”, depois de estar em coma desde o dia 19 de março, em que foi agredido, anunciou a PSP na manhã desse dia.

 

O incidente ocorreu na madrugada de sábado, pelas 6h30, “no exterior de um estabelecimento de diversão noturna, na Avenida 24 de Julho”, tendo começado com agressões mútuas entre vários cidadãos.

 

Os agressores colocaram-se em fuga e não foi possível a sua identificação imediata, mas entretanto dois dos suspeitos já foram apanhados e detidos pela PJ, são fuzileiros que se preparavam para partir numa missão das Nações Unidas no estrangeiro nos próximos dias.

 

Esses dois suspeitos já foram presentes a interrogatório judicial e o juiz Carlos Alexandre decretou a medida de coação de prisão preventiva a ambos. Um terceiro suspeito  – Clóvis Abreu – continua em fuga.

 

 

[Fotografia: Twitter Polícia Nacional]

Últimas