Os preços do gasóleo e da gasolina vão descer um e dois cêntimos, respetivamente. Esta descida surge na sequência de decisão do Governo em diminuir o imposto sobre os combustíveis, anunciado pelo Secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, António Mendonça Mendes.

 

“O Governo tomou hoje a decisão de reinstituir o modelo de devolução de receita do imposto que advém por via do preço dos combustíveis. Significa isto que, em face do aumento do preço médio de venda ao público dos combustíveis, o Estado arrecada um valor superior a 60 milhões de euros de IVA e o que vai fazer é repercutir na diminuição das taxas de ISP este valor de acréscimo que aufere”, referiu.

 

“Isso vai-se repercutir  numa descida de dois cêntimos no ISP da gasolina e um cêntimo no ISP do gasóleo e iremos monitorizar a evolução dos preços médios de venda ao público para, quando necessário, fazer a revisão”, acrescentou ainda.

 

A medida entra em vigor esta sexta-feira, 15 de outubro, e vai prolongar-se até 31 de janeiro de 2022.