PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

2

3

Monção

Oficial: Vai haver mudanças na Feira do Alvarinho em 2023

3 Julho, 2022 - 15:58

10849

0

Feira do Alvarinho.

É oficial. A Feira do Alvarinho de 2023 vai trazer mudanças. A certeza foi deixada este domingo à Rádio Vale do Minho pelo presidente da Câmara Municipal de Monção, António Barbosa.

 

A poucas horas do final do evento, que arrancou na passada sexta-feira, o autarca fez um balanço “brutal” sobre estes três dias de regresso da Feira, após uma suspensão de dois anos devido à pandemia da COVID-19.

 

“Posso já adiantar que durante a última madrugada foram ultrapassados os 100 mil visitantes”, adiantou Barbosa à Rádio Vale do Minho, sublinhando que o total dos números dados pelos contadores instalados nas entradas será divulgado pelo Município nos próximos dias “e pecará sempre por defeito”.

 

Perante este nível de afluência alcançado, o presidente da Câmara deixou outra garantia à Rádio Vale do Minho.

 

“No próximo ano vamos reestruturar a Feira do Alvarinho. Mais espaço. Mais zonas de lazer num evento único em Portugal”, revelou António Barbosa.

 

Vai continuar a realizar-se no Parque das Caldas. Porém, uma das principais mudanças, é já certo, vai passar pela tenda principal que será aumentada não só em comprimento mas também em largura.

 

 

IPVC apresentou novo curso na Feira

O Instituto Politécnico de Viana do Castelo apresentou este sábado em Monção, no decorrer Feira do Alvarinho de Monção, o novo Curso Técnico Superior Profissional em Turismo de Gastronomia e Vinhos.

 

O curso, cuja componente teórica vai ser, provisoriamente, lecionada nas instalações da EPRAMI, tem uma ligação e componente prática muito direcionada para Monção e Melgaço.

 

 

Apresentação do novo curso do IPVC na Feira do Alvarinho

[Fotografia: Rádio Vale do Minho]

 

 

“Só com estas sinergias é que conseguimos trazer e fixar os jovens na sub-região. “Nós precisamos de captar e fixar talento e precisamos de ter serviços de qualidade. Esse conhecimento o IPVC tem. Este novo curso, ligado à gastronomia e vinhos, vai potenciar a capacidade produtiva e empreendedora do concelho, gerando mais oportunidades aos jovens da região”, disse o presidente à Rádio Vale do Minho.

 

A vice-presidente do Politécnico de Viana do Castelo, Ana Paula Vale, sublinhou a importância deste género de formação para o desenvolvimento dos territórios.

 

O Curso Técnico Superior Profissional de Turismo de Gastronomia e Vinhos irá ter como palcos de formação os municípios de Monção e de Melgaço.

 

Com uma componente essencialmente prática o curso, de dois anos, possibilita depois aos alunos o prosseguimento dos estudos para os cursos de licenciatura de Turismo ou mesmo para a nova licenciatura do IPVC: Gastronomia e Artes Culinárias.

 

As aulas decorrerão principalmente (mas não exclusivamente) na Sub-Região dos Vinhos Verdes de Monção e Melgaço.

 

As aulas de âmbito teórico e teórico prático, nas instalações da EPRAMI em Monção, e as aulas práticas em quintas e em território mais alargado de Monção e Melgaço.

 

Em setembro para além do CTESP em Turismo de Gastronomia e Vinhos, o Politécnico de Viana do Castelo vai receber novos alunos no CTESP de Marketing e E-commerce, na Escola Superior de Ciências Empresariais, no CTESP de Impressão 3D e Maquinação Automática que funcionará nos Arcos de Valdevez e no CTESP de Sistemas Elétricos e de Energia que irá funcionar na Escola Superior de Tecnologia e Gestão, em Viana do Castelo.

 

 

Produtores muito satisfeitos

A Rádio Vale do Minho ouviu já vários dos 33 produtores presentes nesta edição da Feira do Alvarinho. Todos fizeram um balanço muito positivo do evento e alguns deles já a apontarem como “a melhor edição de sempre” em termos de vendas.

 

A Feira do Alvarinho de Monção arrancou na passada sexta-feira. Termina este domingo. O evento celebrou este ano 25 anos de existência.

 

 

[Fotografia: Rádio Vale do Minho]

Últimas