PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Monção

Monção vai ter uma nova escultura… aqui

7 Março, 2022 - 22:23

1746

0

Feriado Municipal de Monção assinala-se no próximo sábado.

Monção vai ter uma escultura em homenagem ao folclore. A obra vai ser inaugurada no próximo sábado, dia 12 de março, feriado municipal. Conforme anunciou o Município esta segunda-feira, vai ficar localizada junto ao Baluarte de São Bento, na Avenida das Caldas.

 

Com esta obra, explicou a autarquia presidida por António Barbosa, “pretende-se distinguir a identidade cultural e etnográfica do nosso território, a qual encontra nos grupos folclóricos um exemplo vivo dessa ruralidade e autenticidade que, orgulhosamente, queremos preservar e valorizar”.

 

“A celebração da Carta do Foral representa a afirmação da identidade monçanense e dos nossos valores históricos, bem como a valorização das suas tradições e do património cultural das suas gentes. Constitui também uma excelente oportunidade para a promoção do concelho nas mais variadas áreas de intervenção”, acrescenta.

 

Recorde-se que os ranchos folclóricos do concelho serão os grandes homenageados na Sessão Solene deste ano.

 

Conforme avançou já a Rádio Vale do Minho, três deles vão mesmo subir ao palco da próxima Sessão Solene para serem agraciados com títulos honoríficos, segundo anunciou esta quarta-feira o presidente da Câmara de Monção, António Barbosa, em Reunião do Executivo Municipal

 

Rancho Folclórico das Lavradeiras de S. Pedro de Merufe e a Associação Os Moleirinhos do Gadanha vão ser agraciados com a medalha de Instituição de Mérito – grau prata.

 

Associação Sócio-Cultural e Recreativa de Pinheiros vai ser agraciada com a medalha de Instituição de Mérito – grau cobre.

 

 

Programa

O programa da edição deste ano do Feriado Municipal arranca às 9h30, com a saudação da Banda Musical da Casa do Povo de Tangil, no Largo da Alfândega. Meia-hora depois, vai seguir-se a entrega de títulos honoríficos e condecorações no Cine Teatro João Verde.

 

Para as 11h30 está prevista então a inauguração da escultura em homenagem ao folclore.

 

 

761 anos de história

A carta de foral, outorgada pelo Rei D. Afonso III, a 12 de março de 1261, além de originar ou consolidar a existência da vila de Monção, tornando-a responsável pela condução do seu destino, marca, desde o início, a união da sua história com a da pátria, de cuja fronteira se tornava uma sentinela vigilante.

 

Os séculos posteriores confirmaram o patriotismo dos seus habitantes, através do esforço com que se entregaram a defender a integridade e independência de Portugal e, em tempos mais recentes, a trabalhar incessantemente para aumentar o seu prestigio, trazendo-lhe progresso e prosperidade.

 

“Após dois anos sem celebrações, devido à pandemia, Monção volta a comemorar, com orgulho no passado e confiança no futuro, esta importante data para todos os monçanenses, através da realização de momentos simbólicos e iniciativas focalizadas no desenvolvimento económico, cultural e turístico do nosso concelho”, conclui a autarquia.

 

 

[Fotografia: Google Maps]

Últimas