PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Monção

Monção: Sandra Caldas é candidata à liderança do PS

30 Outubro, 2023 - 12:46

1670

0

“Estou, numa primeira instância, a querer remodelar e reforçar o PS”.

Sandra Caldas é candidata à liderança da Comissão Política Concelhia (CPC) do PS Monção para o biénio 2024/2026. O anúncio foi feito pela própria esta segunda-feira, em conferência de imprensa.

 

“Fui abordada por vários militantes no sentido de fazer uma lista e concorrer à concelhia. Não só me conseguiram convencer a fazê-lo, como já tenho uma lista com pés e cabeça feita e pronta a ser entregue”, assegurou a candidata.

 

Natural de Monção e engenheira civil de profissão, Sandra Caldas integrou a lista do PS à Câmara Municipal nas eleições autárquicas de 2021. O partido descreve-a como “enérgica, ativa” e que “sabe o que quer”.

 

“Estou convicta de que posso fazer um projeto diferente para Monção. Mais dinâmico, mais unido e mais forte”, prosseguiu.

 

A justificar a decisão, a candidata considera que, no partido, “faz falta neste momento ter uma equipa unida, refrescar o PS e acho que tenho a capacidade para o fazer”.

 

Optou por não revelar, para já, quaisquer nomes. No entanto, a candidata garante que “a lista não tem por objetivo romper com o passado”.

 

“Queremos ir buscar ao passado o que teve de bom e incorporar novos elementos para podermos modernizar o PS”, vincou.

 

 

“Unir o PS”

Antevendo que terá um ou mais adversários nesta corrida, Sandra Caldas compromete-se a uma “campanha de rigor, transparência, honestidade e sempre pela positiva”. 

 

“O objetivo é unir o PS, reunir tropas. Ganhar não só as eleições europeias como também as próximas eleições autárquicas”, sintetizou.

 

 

[Fotografia: Rádio Vale do Minho]

 

 

Mas vai ser candidata à Câmara?

A pergunta fatal, previsivelmente, surgiu. Sandra Caldas mostrou resposta pronta.

 

“Estou, numa primeira instância, a querer remodelar e reforçar o PS”, frisou a candidata à concelhia descartando, por agora, qualquer candidatura à Câmara Municipal de Monção nas eleições autárquicas de 2025.

 

“O meu objetivo é reorganizar tropas, sempre no âmbito da concelhia. Não dentro de uma candidatura à Câmara. Neste momento, isso não está no meu horizonte. De todo”, concluiu.

 

As eleições para a CPC do PS Monção estão marcadas para o dia 13 de janeiro de 2024.

 

Formada em Coimbra, Sandra Caldas começou por trabalhar numa pequena empresa de construção em Ponte de Lima.

 

Rapidamente abraçou novos desafios profissionais que a levaram a diferentes países, nomeadamente França, Espanha, Alemanha e Angola. Em 2012 regressou a Monção. No ano seguinte, criou uma empresa em Moçambique. Em 2014, uma outra empresa em Angola.

 

Em 2017, criou a sua própria empresa em Portugal: a Work3, com posicionamento internacional, mas com forte presença no mercado português.

 

 

 

[Fotografia capa: Rádio Vale do Minho]

Últimas