PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

3

0

Monção

Monção: Assaltam ourivesaria, agridem proprietário – Um dos assaltantes identificado

16 Maio, 2023 - 12:05

9607

0

Um dos suspeitos já terá sido identificado.

[atualizada 15h06 – com correção no relato da fuga]

 

 

Liliana, cidadã monçanense, apanhou esta segunda-feira um dos maiores sustos da sua vida.

 

Eram cerca das 9h00 da manhã quando subia a escadaria de acesso à loja da qual é proprietária, na Rua Dr. José Luís Dias, em Monção. Foi então que notou algo anormal.

 

“Reparei que a ourivesaria mesmo em frente ainda não tinha as grades de segurança da montra totalmente levantadas. Achei isso estranho”, contou à Rádio Vale do Minho.

 

É então que daquele estabelecimento sai a correr um indivíduo, de cara destapada “e de mochila às costas”. Seguiu-se um outro, também em corrida.

 

“Até veio contra mim”, prosseguiu.

 

Assustada, Liliana dirigiu-se à porta da ourivesaria. Estava encostada. Chamou pelo proprietário, José Grosso.

 

“De lá de dentro ouvi gemidos e fiquei preocupada. Entrei e vi-o deitado no chão a sangrar, com a boca amordaçada e mãos atadas com fita adesiva”, descreveu.

 

A jovem veio ao exterior imediatamente procurar ajuda. O dono da Ourivesaria Grosso foi hospitalizado. Tinha havido um assalto.

 

Ourivesaria Grosso, assaltada esta segunda-feira em plena luz do dia

[Fotografia: Rádio Vale do Minho]

 

 

 

Filmados por videovigilância

O assalto terá sido perpetrado por três suspeitos. Apurou a Rádio Vale do Minho que são dois homens e uma mulher. Um de nacionalidade portuguesa e os outros dois são espanhóis, com naturalidade na Galiza.

 

Enquanto os dois homens realizavam a operação, a mulher esperava-os no exterior dentro de um carro.

 

“Era cinzento prata. À saída, na pressa da fuga, quase bateu no carro da minha irmã [não tendo colidido efetivamente, como inicialmente noticiado] e isso foi filmado pela videovigilância de uma outra ourivesaria aqui perto. Tinha matrícula francesa”, contou ainda Liliana à Rádio Vale do Minho.

 

Sabe a Rádio Vale do Minho que José Grosso já teve alta e esta terça-feira, durante a manhã, prestou depoimento no posto da GNR de Monção.

 

 

Português será de Melgaço

Fonte da GNR não confirmou quaisquer detenções até ao momento. No entanto, apurou a Rádio Vale do Minho que o homem de nacionalidade portuguesa será natural de Melgaço e já estará identificado.

 

A Rádio Vale do Minho tentou falar com o proprietário da Ourivesaria Grosso. Até ao momento ainda não foi possível. É ainda desconhecido o montante levado pelos larápios.

 

As investigações prosseguem.

 

 

 

[Fotografias capa: Rádio Vale do Minho | DR]

Tópicos:

#Assalto

Últimas