PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Destaques
Mundo

França: Ardeu um pedaço enorme da humanidade – Fogo terá começado em obras de reconstrução

16 Abril, 2019 - 06:55

169

0

O presidente da França mostra-se determinado a reconstruir a Catedral de Notre Dame. Pouco passada das 18h50 locais (17h50 em Portugal) quando um violento incêndio deflagrou naquele templo e acabou […]

O presidente da França mostra-se determinado a reconstruir a Catedral de Notre Dame. Pouco passada das 18h50 locais (17h50 em Portugal) quando um violento incêndio deflagrou naquele templo e acabou por consumir cerca de dois terços do edifício. Cerca de uma hora depois do fogo ter começado, o pináculo da igreja desmoronou-se. 

“Há mais de 800 anos, soubemos como construir esta catedral e, através dos séculos, fazê-la crescer e melhorar. Agora vamos construi-la todos juntos”, disse Emmanuel Macron aos jornalistas. “O pior foi evitado mesmo que a batalha não tenha sido totalmente vencida”.

Embora a torre central e o teto tenham sucumbido totalmente às chamas, as duas torres do edifício foram poupadas  e a estrutura, o altar, a cruz de Cristo e as relíquias sobreviveram. Os resultados da investigação preliminar dizem que o incêndio foi “acidental”.  De acordo com a imprensa internacional, os bombeiros disseram que o incêndio terá começado no sótão da catedral e admitiram que a situação poderá estar ligada aos trabalhos de reabilitação do edifício, que é o monumento histórico mais visitado da Europa.

Só pelas 3h00 da madrugada é que melhores notícias chegaram. “Podemos pensar que a estrutura da Notre-Dame está a salvo, especialmente o norte do campanário, e preservada dentro da sua globalidade”, disseram os bombeiros. 

De acordo com o jornal Observador, sabe-se já que François-Henri Pinault, diretor executivo da Kering (dona da Balenciaga, Yves Saint Laurent e Gucci), vai doar 100 milhões de euros para as obras de reconstrução anunciadas pelo presidente francês.

Até ao momento não há registo de quaisquer vítimas causadas por este incêndio.

 

[Fotografia: Sputnik Brasil]

 

PUB

Últimas