PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

País

Ensino profissional cresceu (muito!) em 20 anos, mostra estudo

18 Maio, 2024 - 22:26

286

0

Alunos que optam por esta via de ensino têm cada vez mais sucesso.

O número de alunos no ensino profissional quadruplicou em Portugal, entre 1995 e 2016. 

 

Com 112.395 alunos inscritos no ensino profissional, entre os mais de 350 mil estudantes do secundário, Portugal quadruplicava em 2016 o número de alunos inscritos naquele via de ensino em 1995, sendo um dos países da OCDE onde o ensino profissional mais cresceu.

 

A conclusão, segundo o Executive Digest, é do estudo Ensino profissionalizante: à procura do tempo perdido, que faz parte do terceiro volume das séries históricas “O Ensino em Portugal antes e depois do 25 de Abril” promovido pelo Edulog, o ‘think tank’ para a Educação da Fundação Belmiro de Azevedo.

 

Em 1995, entre 449.663 alunos a frequentar o ensino secundário, 26.198 estavam no profissional. Uma década depois, em 2005, o número de estudantes no secundário tinha caído para cerca de 306 mil, mas havia mais no profissional (36.765).

 

Em 2016, esse número era significativamente maior (112.395) e o ensino profissional representa hoje a segunda maior modalidade de ensino secundário, refere a EDULOG em comunicado.

 

Além da procura crescente, a análise dos autores mostra que, por outro lado, os alunos que optam por esta via de ensino têm cada vez mais sucesso: Em 2020/2021 e em 2021/2022, cerca de 70% dos alunos conseguiram acabar o curso em três anos, mais 17 pontos percentuais face 2014/2015.

 

 

[Fotografia: Arquivo/Rádio Vale do Minho]

Últimas