PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

0

2

Monção

COVID-19/Monção: Já é conhecida a razão para a escalada repentina de casos ativos

6 Outubro, 2021 - 18:52

5293

1

Monção está agora com o triplo de casos ativos em relação a Viana do Castelo.

É um aumento que já não passa despercebido a praticamente ninguém. Subitamente, os novos casos de infeção por COVID-19 começaram a galopar em Monção. Em pouco mais de duas semanas, este concelho passou para o triplo dos casos ativos existentes em Viana do Castelo.

 

Em números, Monção está agora com 30 casos ativos da nova doença e é o concelho mais afetado do Alto Minho. A capital de distrito apresenta apenas 10. Mas qual a razão?

 

“Ocorreu um surto numa Instituição Particular de Solidariedade Social do concelho de Monção. São mais de duas dezenas de utentes afetados, mas todos eles estão bem e a situação está perfeitamente controlada”, disse fonte sanitária à Rádio Vale do Minho, escusando-se a referir qual a IPSS em concreto.

 

“Nenhum dos utentes apresenta sintomas considerados graves e não há qualquer perigo do vírus espalhar-se da instituição para a comunidade”, assegurou a mesma fonte à Rádio Vale do Minho, acrescentando que o número de novos casos – pelo menos relacionados com aquela IPSS – pouco ou nada irá aumentar nos próximos dias.

 

De acordo com o relatório epidemiológico da Unidade Local de Saúde do Alto Minho (ULSAM) emitido esta quarta-feira, o concelho de Monção está nesta altura com 1.375 casos confirmados de infeção por COVID-19, dos quais 30 estão ativos. Há 1.301 casos recuperados e 44 óbitos registados.

 

 

 

[Fotografia: Onthetop Pictures / Paulo Dias]

Últimas