PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Vila Nova de Cerveira

Cerveira brilha no Anuário Financeiro: mais gente, menos dívida e mais eficiência (veja os números)

2 Novembro, 2023 - 11:33

606

0

“Estes resultados são o corolário dos esforços efetuados pelo Executivo Municipal na boa gestão das contas municipais”.

Vila Nova de Cerveira ocupa os lugares cimeiros na lista dos municípios do Alto Minho que demonstram melhor eficiência económico-financeira, segundo o Anuário Financeiro dos Municípios Portugueses 2022, tornado público no passado dia 28 de setembro.

 

De acordo com o Anuário, o Município apresenta dados positivos em vários indicadores, desde logo, no que ao “Índice de Liquidez” diz respeito, já que, enquanto em 2021 se situava nos 183,1%, em 2022 subiu para 278,9% (um dos melhores do distrito, figurando no 3º lugar).

 

No que concerne ao “Peso do Passivo exigível no Ativo”, em 2022, situa-se nos 13,9% (sendo o 2º melhor do Alto Minho).

 

Já no que toca ao “Índice de Divida Total”, enquanto em 2021 era de 46,4%, no ano de 2022 desceu para os 37,0% (surgindo como o 3º melhor entre os 10 municípios do Alto-Minhotos).

 

Quanto ao “Prazo Médio de Pagamentos”, o Município de Vila Nova de Cerveira, em 2022, continua a figurar no grupo de municípios com prazo médio de pagamentos inferior a 30 dias.

 

De sublinhar que, no que à população se refere, o Município de Vila Nova de Cerveira obtém mais um indicador positivo, mantendo uma tendência de crescimento populacional, passando de 8.923 habitantes em 2021 para 9.175 em 2022 (mais 252 indivíduos em apenas um ano).

 

Já no Relatório Norte Estrutura, recentemente publicado, que analisa as empresas do setor exportador do Norte em 2021, o Município de Vila Nova de Cerveira destaca-se no TOP 3 entre os municípios onde o setor exportador tem um maior peso relativo na economia local (sabendo-se que, geralmente, as economias mais abertas ao exterior localizam-se em municípios de média dimensão fora dos territórios de baixa densidade, onde o setor industrial é predominante), representando 87,2% do volume de negócios das empresas do município, seguido de Oliveira de Azeméis (68%) e de São João da Madeira (67,5%), estes dois municípios no distrito de Aveiro.

 

“Estes resultados são o corolário dos esforços efetuados pelo Executivo Municipal na boa gestão das contas municipais, com máxima eficácia e eficiência na gestão dos dinheiros públicos, enquanto princípios basilares da gestão autárquica”, refere o Presidente da Câmara, Rui Teixeira.

 

 

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas