PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

1

0

Caminha

Caminha: PSD lamenta ficar provado “em menos de um ano” que partido tinha razão

16 Setembro, 2022 - 11:05

419

0

Miguel Alves renuncia ao mandato para assumir funções no Governo.

“O PSD lamenta que em menos de um ano tenha sido dada a razão a quem disse que o atual presidente não falava a verdade à população”. Foi desta forma que a concelhia local do maior partido da coligação O Concelho em Primeiro (PSD/CDS-PP/Aliança/PPM) reagiu à saída do atual presidente da Câmara de Caminha, Miguel Alves, para assumir funções no Governo.

 

Os sociais-democratas reiteram que o autarca socialista “não falava a verdade à população quando se candidatou, uma vez que sabia que não iria assumir o mandato até ao fim e que só estava para tentar ganhar as eleições, porque sabia que pelo seu número dois na lista à Câmara não o conseguiria”.

 

“Agora as pessoas terão como presidente não a pessoa em quem votaram para presidente, mas simplesmente o terceiro elemento mais votado no concelho. Uma vez que a segunda mais votada no concelho de Caminha foi a candidata Liliana Silva, pela coligação O Concelho em Primeiro, da qual o PSD fez parte”, atiram.

 

“A população que tire as suas ilações sobre as verdades políticas e sobre a informação que lhes chega através de notas de imprensa fabricadas pela assessoria de imprensa milionária que gere a imagem do atual executivo com funções da câmara de Caminha. Para terminar, reiterar os votos de bom trabalho ao futuro secretário de Estado”, conclui a mesma nota.

 

Miguel Alves vai ser secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro. A tomada de posse realiza-se já esta sexta-feira, pelas 19h30, no Palácio de Belém.

 

Natural de Lisboa e licenciado pela Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra, é um dos dirigentes socialistas mais próximos do atual líder do executivo e a sua entrada na equipa de António Costa destina-se a reforçar a coordenação política do Governo.

 

Tem uma pós-graduação em Direito do Trabalho pela Universidade Moderna do Porto e é presidente da Câmara Municipal de Caminha desde 2013, estando no seu terceiro mandato.

 

É atualmente presidente do Conselho Regional do Norte, membro efetivo do Comité das Regiões, membro suplente do Conselho Geral da Associação Nacional de Municípios Portugueses e presidente da Comissão Distrital de Proteção Civil de Viana do Castelo.

 

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas