PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Arcos de Valdevez

Arcos: Chama-se “Terras do Vez” e é a nova marca do concelho

8 Junho, 2022 - 11:27

286

0

Valorizar produtos e produtores locais.

O Município de Arcos de Valdevez apresentou esta terça-feira o Programa de Valorização dos Produtos e Produtores Locais, o qual pretende divulgar a marca Terras do Vez – Sabores e Tradições, como um dos pilares impulsionadores da valorização e promoção dos produtos e produtores locais.

 

Através deste programa “pretende-se valorizar e promover os produtos e os produtores locais, enquanto elementos essenciais da ocupação equilibrada do território, da paisagem e da biodiversidade do concelho”, explica a edilidade

 

A marca Terras do Vez – Sabores e Tradições, que é atribuída aos produtos locais e aos seus produtores, “pretende assumir-se como uma marca territorial, que engloba um conjunto de produtos arcuenses, de qualidade superior, genuínos e certificados, contribuindo para a sua divulgação e valorização, bem como para a valorização dos seus produtores e para o fomento da economia e do turismo locais”

 

A preocupação pela dinamização económica, pela qualidade ambiental, pela manutenção da sua biodiversidade, pela qualidade alimentar e da paisagem, permitirá posicionar Arcos de Valdevez como um espaço para viver, trabalhar, visitar e investir.

 

Com esta marca a atribuir aos produtos, a autarquia pretende:

  • contribuir para a promoção da identidade do concelho e para a sua afirmação territorial;
  • aumentar a procura dos produtos locais, através de ações promocionais, de organização da oferta local, de forma responsável para a sustentabilidade da economia local;
  • alargar e fomentar novas ideias e conceitos de negócio e novos modelos de distribuição e comercialização;
  • mobilizar a sociedade arcuense para a importância da produção e consumo local; estimular a adoção de novos comportamentos de responsabilidade social e comunitária;
  • contribuir para o aumento da visibilidade e venda dos produtos aderentes, para o aumento da confiança por parte do público consumidor e aumento da competitividade das empresas aderentes e contribuir para a mitigação das consequências económicas da atual crise e contrariar as dificuldades de comercialização dos produtos.

 

 

[Fotografia: DR]

Últimas