PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Alto Minho

Alto Minho vai estar sob ‘aviso amarelo’ – Temperaturas ‘a bater’ nos 40ºC e noites de 20ºC

5 Julho, 2022 - 20:22

482

0

DGS já divulgou recomendações.

As temperaturas máximas vão começar a subir no distrito de Viana do Castelo. Nos próximos dias, os valores vão aproximar-se dos 40ºC. Para Monção, por exemplo, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê 38ºC de máxima para sábado, valor que pode subir aos 39ºC na terça-feira seguinte.

 

As noites vão ser tropicais. Aproximam-se dias onde as mínimas vão superar os 20ºC.

 

Devido ao calor, o IPMA já colocou o Alto Minho sob aviso amarelo. Este alerta vai estar em vigor entre as 9h00 de quinta-feira e as 18h00 de sexta-feira.

 

 

Aviso amarelo em vigor entre quinta e sexta-feira devio às temperaturas elevadas

[Fonte: IPMA]

 

 

DGS deixa recomendações

A DGS divulgou esta terça-feira uma série de recomendações para fazer face ao aumento gradual da temperatura nos próximos dias, com “atenção especial” aos grupos mais vulneráveis ao calor.

 

Entre as recomendações emitidas, a autoridade de saúde salienta a necessidade de dar “atenção especial a grupos mais vulneráveis ao calor”, como crianças, idosos, doentes crónicos, grávidas, pessoas com mobilidade reduzida, trabalhadores com atividade no exterior, praticantes de atividade física e pessoas isoladas.

 

A DGS aconselha ainda a aumentar a ingestão de água ou de sumos de fruta natural sem açúcar e evitar o consumo de bebidas alcoólicas e a exposição direta ao sol, principalmente entre as 11h00 e as 17h00.

 

Além disso, devem ser evitadas as atividades desportivas e de lazer no exterior que exijam grandes esforços físicos, escolhidas as horas de menor calor para viajar de carro e os doentes crónicos ou sujeitos a medicação ou dietas específicas devem seguir as recomendações do médico assistente ou do SNS 24.

 

Para as crianças é recomendado que consumam frequentemente água ou sumos de fruta natural e que permanecem em ambiente fresco e arejado, enquanto as com menos de seis meses não devem estar sujeitas a exposição solar.

 

A DGS aconselha também a contactar e acompanhar os idosos e outras pessoas que vivam isoladas, devendo ser assegurada a sua correta hidratação e permanência em ambiente fresco e arejado.

 

 

[Fotografia: DR]

Últimas