PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Valença

Alto Minho: Comboios de Alta Velocidade vão custar mais 350 milhões – E a razão ‘mora’ AQUI

8 Março, 2022 - 15:29

1985

0

Estimativa da empresa pública aponta agora para cerca de 1.250 milhões de euros.

A fase 1 da ligação ferroviária de alta velocidade entre o Porto e Vigo poderá vir a custar mais 350 milhões de euros que o previsto inicialmente, segundo um documento apresentado por um diretor da Infraestruturas de Portugal (IP).

 

Segundo o Dinheiro Vivo, os dados foram divulgados durante a apresentação A ferrovia no contexto ibérico, feita no dia 21 de fevereiro por José Carlos Clemente, diretor de Empreendimentos da IP, em Sines (distrito de Setúbal).

 

A estimativa da empresa pública aponta agora para cerca de 1.250 milhões de euros, quando a apresentação inicial do Programa Nacional de Investimentos (PNI) 2030, divulgada em outubro de 2020, apontava para 900 milhões de euros.

 

Em causa está a ligação entre Braga (Tadim) e Valença, no distrito de Viana do Castelo, fase 1 da linha Porto – Vigo, cuja conclusão está prevista, segundo o documento da IP, para 2029/2030.

 

Aos 1.250 milhões de euros juntam-se 60 milhões da quadruplicação da Linha do Minho entre Contumil (Porto) e Ermesinde (Valongo), pode ainda ler-se no documento.

 

Quanto às outras fases, a segunda, prevista para depois de 2030, compreende a ligação do Aeroporto Francisco Sá Carneiro (Maia) para o Minho e a Galiza, e está estimada em 350 milhões de euros pela IP.

 

 

[Fotografia: Arquivo/DR]

Últimas