Menu

+

0

0

Alto Minho

Viana: PSD exige que Eduardo Teixeira “se demita imediatamente” de vereador

29 Janeiro, 2024 - 19:22

216

0

Eleições legislativas.

O PSD de Viana do Castelo exige ao Vereador da Camara Municipal de Viana do Castelo e ex militante do PSD, Eduardo Teixeira, eleito pela coligação PSD/CDSPP, “que se demita imediatamente do cargo”.

 

Em nota enviada à Rádio Vale do Minho, a Comissão Política de Secção daquele partido sublinha que “Eduardo Teixeira já não é militante do PSD desde 25/01/2024”.

 

“Lamenta-se que alguém que militou no PSD durante trinta e dois anos, e que exerceu vários cargos, inclusivamente o de presidente da Concelhia, não saiba os Estatutos do Partido, no que diz respeito aos deveres dos militantes, ou que deles faça a interpretação mais conveniente consoante a situação em que se encontra”, refere.

 

“A confirmação da integração como cabeça de lista de Eduardo Teixeira noutro partido mostra que afinal a estratégia desta comissão política não era “errática”, tal como este proferiu em declarações à SIC Noticias”, lê-se.

 

Mais acrescenta o PSD de Viana do Castelo que “errático seria manter a confiança política numa pessoa que estava há largos meses comprometida com outro partido, tal como foi confirmado pelo líder desse partido em entrevista à CNN”.

 

Em conclusão, considera ainda aquela concelhia que “o facto de Eduardo Teixeira encabeçar a lista de candidatos a deputados por outro partido, não é mais do que oportunismo e uma tentativa clara de sobrevivência política. Prova disso é que aparentemente só precisou de um curto período de reflexão para o fazer”.

 

Entre 2013 e 2017, Eduardo Teixeira, economista, foi deputado do PSD pelo círculo de Viana do Castelo.

 

Eduardo Teixeira liderou, durante vários anos, tanto a concelhia como a distrital do partido e desempenhou funções em órgãos nacionais.

 

Em 2013 e 2021 concorreu, pelo PSD, como cabeça de lista à presidência da Câmara de Viana do Castelo e das duas vezes perdeu para o socialista José Maria Costa.

 

Vai ser o cabeça de lista do Chega, nas próximas eleições legislativas marcadas para 10 de março.

 

 

 

[Fotografia: DR]

Últimas