PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Viana do Castelo

Veiculos ligeiros e pesados prometem "entupir" Avenida dos Aliados. Marcha lenta contra portagens nas SCUTS

12 Abril, 2010 - 17:50

246

0

É já este sábado que as comissões de utentes das SCUTS do Norte Litoral, Costa da Prata e Grande Porto se reunem numa marcha lenta convergente até ao Porto. Veículos ligeiros e pesados juntos contra portagens.

É já este sábado que as comissões de utentes das SCUTS do Norte Litoral, Costa da Prata e Grande Porto se reunem numa marcha lenta convergente até ao Porto.
O objectivo desta iniciativa é "os utentes destas auto-estradas sem custos para os utilizadores manifestarem o seu descontentamento e mostrarem ao Governo que não está no caminho certo na persistência de instroduzir portagens", sublinha Jorge Passos. O porta-voz do Movimento Naturalmente Não às Portagens na A28 explica ainda que o que se pretende é realizar "uma marcha lenta ordeira, mas que crie algum constrangimento ou condicionamento para que desta forma se sinta o desagrado das populações".
Para o caso concreto da A28, o roteiro está pronto. A concentração está marcada para as 14h00 de sábado em dois pontos da cidade Viana do Castelo, "para viaturas ligeiras no Campo da Agonia e para os pesados na Zona Industrial de Neiva. A partir a caravana parte de Viana do Castelo e vai agrupando outras viaturas em de Esposende e Barcelos, Vila do Conde com Póvoa de Varzim e Matosinhos e Maia, sendo que nas outras SCUTS o procedimento será o mesmo, e culmina na Avenida dos Aliados".
Depois do buzinão, esta é mais uma nciativa de protesto contra a posição do Governo em portajar as três SCUTS. O Moviemnto Naturalmente Não às Portagens na A28 alega que "a via não cumpre nenhum dos critérios fixados pelo Governo para introduzir portagens e que a única via alternativa, a EN13, demora duas vezes mais do que pela A28.
Recorde-se que o Governo de José Sócrates anunciou a medida de portajar três autoestradas sem custos para os utilizadores, vulgarmente chamadas de SCUTS – Norte Litoral, Costa da Prata e Grande Porto -, intenção esta confirmada no Plano de Estabilidade e Crescimento.

Últimas