PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Valença

Valença: Tanques de guerra… um barco pirata… e até um ‘bar de praia’ a boiar no rio Minho

6 Agosto, 2023 - 16:00

2515

0

Foi uma das edições mais participadas de sempre.

A criatividade não conhece limites na Descida do rio Minho em Bóias, em Valença.

 

Quatro anos depois, a iniciativa regressou este domingo em força e – de acordo com os números da organização – foi das mais participadas de sempre: 26 embarcações flutuantes e quase uma centena de participantes.

 

Um barco pirata, dois tanques de guerra, um carro dos bombeiros… e até um bar de praia desceram rio abaixo em gargalhadas e ambiente de total alegria.

 

A partida aconteceu na zona de lazer de Friestas.

 

Na margem, o Presidente da Câmara Municipal de Valença, José Manuel Carpinteira, mostrou-se bastante satisfeito com este potente regresso.

 

“Há um grande entusiasmo. Muita criatividade. Uma iniciativa amiga do ambiente, que anima as margens do rio e será certamente para manter”, assegurou o autarca aos jornalistas.

 

Do lado da organização, a cargo da Associação Desportiva Verdoejense, da freguesia de Verdoejo, o contentamento também foi total.

 

“Conseguimos mais do que duplicar os participantes na última edição (2019). Há muita criatividade e muita camaradagem”, disse André de Salvador Fernandes, da organização, à Rádio Vale do Minho.

 

Nas margens, dezenas de banhistas riram e aplaudiram a iniciativa.

 

 

 

Veja a galeria de fotos [Rádio Vale do Minho]

 

 

 

O trajeto terminou no Parque de Merendas de Verdoejo, com prémios para as embarcações mais originais e as mais animadas.

 

A origem deste evento remonta a 1994. Foi iniciado precisamente pela Associação Desportiva Verdoejense.

 

 

 

[Fotografias capa: Rádio Vale do Minho]

Tópicos:

#Rio Minho

Últimas