PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Valença

Valença: Nesta freguesia o compasso ‘trabalha’ dois dias (primeiro a Banda de Baixo e hoje a Banda de Cima)

1 Abril, 2024 - 09:12

1

0

“Há dezenas de pessoas a receber a cruz. A junventude participa de forma massiva, o que torna este compasso único”.

No Alto Minho, há freguesias onde os compassos pascais andam pela rua no Domingo de Páscoa. Noutras, acontece na segunda-feira imediatamente a seguir.

 

A freguesia de Fontoura, em Valença, é um dos exemplos onde a tradição acontece nos dois dias.

 

“Este domingo fez-se na Banda de Baixo e hoje é a Banda de Cima. Nesta freguesia, o compasso pascal tem muita adesão da população. Há dezenas de pessoas a receber a cruz. A junventude participa de forma massiva, o que torna este compasso único”, disse à Rádio Vale do Minho, com orgulho, o Presidente da Junta, André Rodrigues.

 

 

 

[Fotografia: JF Fontoura]

 

 

 

[Fotografia: JF Fontoura]

 

 

 

Mas há também uma “rivalidade saudável” entre as duas bandas, destacou o autarca.

 

“Todos os anos competem pelo melhor fogo-de-artifício. Após as festas, discute-se quem venceu nos lançamentos”, acrescentou.

 

 

 

[Fotografia: JF Fontoura]

 

 

[Fotografia: JF Fontoura]

 

 

Para além dos lares da freguesia, “todas as associações recebem o Compasso Pascal, e a Junta não fica indiferente pelo que esta segunda-feira vamos receber a cruz no edifício sede pelas 10h30”, concluiu André Rodrigues.

 

 

 

 

[Fotografia capa: JF Fontoura]

 

Últimas