PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Galiza

Tui: Município avança com 10 residências disponíveis para acolher refugiados ucranianos

6 Março, 2022 - 12:40

263

0

Guerra.

O Município de Tui tem nesta altura 10 residências na localidade de Caldelas prontas a acolher refugiados ucranianos. A informação foi avançada à Rádio Vale do Minho por fonte daquela autarquia.

 

A edilidade tudense, recorde-se, fez recentemente um apelo à população no sentido de que quem tiver residências disponíveis para acolher pessoas provenientes daquele país, deve comunicar ao Município.

 

“O Município de Tui sempre se mostrou solidário e com grande capacidade de ajuda e cooperação com aqueles que mais precisam. Nestes tempos sombrios onde a guerra nos põe à prova, mais uma vez devemos ser capazes de mostrar a nossa solidariedade, colaborando com as iniciativas lançadas e ajudar o povo da Ucrânia”, defende aquela autarquia vizinha.

 

A Rússia lançou, na madrugada de 24 de fevereiro, uma ofensiva militar à Ucrânia e as autoridades de Kiev contabilizaram, até ao momento, mais de 2.000 civis mortos, incluindo crianças. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), os ataques já provocaram mais de 1,2 milhões de refugiados.

 

O Alto-Comissariado da ONU para os Refugiados (ACNUR) começou por estimar que a guerra que começou há pouco mais de uma semana pudesse causar cerca de quatro milhões de deslocados, mas o número já foi corrigido para 10 milhões, ou seja, quase 25% da população da Ucrânia.

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas