Menu

+

0

0

Ponte da Barca

P. Barca: Presidente da Câmara admite que selo real espanhol nos candeeiros “foi um lapso”

23 Junho, 2023 - 15:42

473

0

Luminárias apresentam selo real de Fernando VII de Espanha.

O presidente da Câmara de Ponte da Barca admitiu esta sexta-feira ter havido um “lapso” dos serviços camarários na compra de três candeeiros com símbolos da monarquia espanhola que, recentemente, passaram a iluminar o Jardim dos Poetas.

 

Conforme noticiou a Rádio Vale do Minho, os três novos candeeiros recentemente instalados pelo Município (PSD) no Jardim dos Poetas, em Ponte da Barca, não estão a cair bem junto do PS local.

 

A elegância é praticamente inegável. No entanto, em nota divulgada, os socialistas afirmam que se tratam de “farolas fernandinas”. Ou seja, são “uma iluminação identitária dos ayuntamientos/municípios castelhanos”.

 

A agravar a situação, e a comprovar, os ditos candeeiros têm na sua base um selo real com uma coroa, “dois F”, o númeral romano “VII”, e uma data: 1832.

 

Explica o PS que esta inscrição é “uma homenagem ao ano de nascimento da Infanta Luísa Fernanda”, filha do rei espanhol Fernando VII, que reinou entre 1808 e 1833, mas com um intervalo entre 1808 e 1813, em que foi destituído.

 

“O nosso Jardim dos Poetas tem, sucessivamente, sofrido intervenções municipais, que descaracterizam e desvalorizam aquele espaço público, que deveria assumir-se como um local privilegiado de lazer, identidade e respeito pela história de Ponte da Barca”, defende o PS.

 

“Em vez de importações castelhanas, ofensivas da história e independência nacional, apelamos a que exista maior rigor, critério e planeamento do Município de Ponte da Barca, valorizando a bonita essência da cultura portuguesa e conservando o riquíssimo património da nossa grande terra”, concluem os socialistas.

 

Na resposta, segundo a TSF, o Presidenta da Câmara, Augusto Marinho, lamentou o incidente, mas ainda não decidiu o que vai fazer com as farolas castelhanas.

 

 

[Fotografia: PS P. Barca]

Tópicos:

#Política

Últimas