PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Vale do Minho

Municípios vão intensificar parecerias com vizinhos galegos

10 Fevereiro, 2010 - 15:30

100

0

Municípios do Vale do Minho querem intensificar cooperação transfronteiriça, promovendo eventos culturais e desportivos em conjunto.

Anualmente os municípios de fronteira estão obrigados pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros a assinar uma acta de vistoria de fronteira, em como tanto do lado português como do lado espanhol concordam com os limites geográficos. Para além desta burocracia imposta pelo Governo, os múnicípios do Vale do Minho querem ir mais além, intensificando a cooperação transfronteiriça. É o caso de Va lença e Tui. O novo presidente social-democrata confirma que o seu executivo está a elaborar um plano cultural e desportivo anual para apresentar a Tui. O primeiro evento é o Dia Internacional da Mulher, a 8 de Março. Para o final desta semana está agendada uma reunião entre os responsáveis dos dois municípios para se alinhavar um plano de acção anual. O mesmo acontece com a autarquia monçanense e o Ayuntamineto das Neves. José Emílio Moreira relaça que "a fornteira é natural, com o rio Minho, mas além disso estão-se a desenvolver projectos em conjunto, em termos laborais, transportes públicos, desenvolvimento económico e o intercâmbio cultural e até de equipamentos de um lado e do outro da fronteira". De realçar que para promover esta cooperação transfronteiriça já existe a Uniminho, Associação do Vale do Minho Transfronteiriço constituída pela Comunidade Intermunicipal do Vale do Minho e a Diputación Provincial de Pontevedra a 4 de Novembro de 2005. O território de intervenção da Uniminho insere-se na Euro- Região Norte de Portugal/ Galiza e compreende 21 municípios dos dois lados da fronteira.

Últimas