Menu

+

0

0

Alto Minho

Mudança de Governo não trava portagens nas ex

28 Março, 2011 - 12:51

157

0

Perante a demissão de José Sócrates do cargo de primeiro-ministro, o porta-voz do Movimento Naturalmente Não Ás Portagens na A28 não acredita na revogação da introdução de portagens nas ex-Scut.

Perante a demissão de José Sócrates do cargo de primeiro-ministro, o porta-voz do Movimento Naturalmente Não Ás Portagens na A28 não acredita na revogação da introdução de portagens nas ex-Scut. No entanto, e sublinhando a "injustiça" em torno deste processo, Jorge Passos confirma que a luta não termina e se o novo acto eleitoral ditar uma alteração governativa, este moviemnto vai tentar, pela via do diálogo, "sensibilizar para aquilo que se passa no terreno".

A escassos dias do alargamento das portagens aos troços da A27 que liga Viana do Castelo a Ponte de Lima e da A28 entre Viana e Caminha, e mesmo após declarações de Marco António Costa, vice presidente do PSD, dizer recentemente que, caso o seu partido vá para o Governo, "todas as autoestradas portuguesas vão ter portagens", Jorge Passos pretende uma diminuição dos valores pagos pelos utentes.

Desde a intordução de portagens nas ex-Scut, Viana do Castelo registou uma diminuição da procura na ordem dos "50 por cento", ao nível dos comércio e de serviços.
No dia 15 de Outubro de 2010, foram introduzidas portagens nas SCUT da Costa da Prata, Grande Porto e Norte Litoral.
As restantes, Algarve, Beira Litoral e Alta, Beira Interior (A23) e Interior Norte, começam a ser pagas a partir do próximo dia 15 de Abril.

Últimas