PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

1

0

Melgaço

Melgaço: Conhece esta Igreja? Há 120 anos era totalmente branca

11 Julho, 2023 - 12:00

906

0

Património.

A extraordinária fotografia foi captada em 1903. Mostra a Igreja de Paderne e parte do Convento daquela freguesia de Melgaço.

 

Terá sido tirada a um domingo dado que, segundo o Blog Melgaço Entre o Minho e a Serra, exibe um momento “à saída da missa”.

 

Quem conhece bem o monumento, nota desde logo a particularidade de que a fachada do templo está totalmente pintada de branco. Desconhece-se ainda o tipo de tinta, mas tudo aponta para um revestimento a cal.

 

pintura acabou por sair ao longo das décadas expondo as seculares pedras desta Igreja que remonta ao século XII. Encontra-se classificada como Monumento Nacional desde 23 de Junho de 1910.

 

Em termos administrativos, em 1839 a Igreja e o Convento situavam-se no antigo concelho de Valadares, extinto por decreto a 24 de Outubro de 1855, passando desde então a pertencer à comarca de Melgaço.

 

A Igreja de Paderne pertence à Diocese de Viana do Castelo desde 3 de Novembro de 1977.

 

 

Templo foi alvo de obras de reabilitação

[Fotografia: Município Melgaço]

 

 

 

Obras de reabilitação vão ser inauguradas esta terça-feira

O Ministro da Cultura, Pedro Adão e Silva, vai estar esta terça-feira, dia 11 de julho, em Melgaço, para a inauguração da 1ª fase das obras de reabilitação, conservação e valorização da igreja do Convento de São Salvador de Paderne. 

 

O projeto representa um investimento total de 1.053.390,50 euros (FEDER, Norte 2020: 500.000 euros; Financiamento público nacional – Protocolo com Estado – via DGTF, Direção Geral do Tesouro e Finanças: 553.390,50 euros).

 

O edifício apresentava graves condições de conservação, com risco de perda de património, pelo que a autarquia de Melgaço procedeu a uma candidatura ao Aviso Património Cultural-Infraestrutural, do Programa Operacional Norte 2020, cabendo à Direção Regional de Cultura do Norte o apoio técnico à elaboração deste projeto.

 

“Com esta intervenção pretendemos devolver a dignidade material a este Monumento Nacional, potenciando a Igreja como um recurso ativo para o desenvolvimento do concelho, mas também da Região Norte no âmbito do Turismo Cultural e Religioso”, considera o Presidente da Câmara, Manoel Batista.

 

“Conseguimos, nesta primeira fase de obra, recuperar e reabilitar todo o edifício a nível estrutural, mas temos agora, numa segunda fase, de fazer intervenções mais profundas ao nível do interior, de forma a concluir o projeto integral de conservação, restauro e requalificação de todo este património”, acrescenta.

 

A chegada de Pedro Adão e Silva está prevista para as 16h00.

 

 

[Fotografia: DR/Via blog Melgaço Entre o Minho e a Serra]

Tópicos:

#Património

Últimas