PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Ponte de Lima

Mais de meio milhão de euros para as festas de 2010

27 Abril, 2010 - 22:28

95

0

O Festival Internacional de Jardins, a Vaca das Cordas e as Feiras Novas são três dos 11 eventos integram o programa do "Ponte de Lima em Festa 2010", orçado em mais de meio milhão de euros.

O Festival Internacional de Jardins, a Vaca das Cordas e as Feiras Novas são três dos 11 eventos integram o programa do "Ponte de Lima em Festa 2010", orçado em mais de meio milhão de euros.
O "Ponte de Lima em Festa 2010", cujo programa foi hoje apresentado, arranca a 28 de Maio, com o festival internacional de jardins, um evento único na Península Ibérica que ficará patente ao público até 31 de Outubro, mostrando 12 jardins assinados por criadores de diversos países.
De 21 de Maio a 01 de Junho, decorrerá a Feira do Livro, seguindo-se, no dia 02, a Vaca das Cordas, uma tradição secular que consiste numa espécie de garraiada ao ar livre.
A Festa do Vinho Verde e dos Produtos Regionais, que tem no cartaz um concerto do grupo "Os Azeitonas", acontecerá de 18 a 20 de Junho, simultaneamente com a I Feira e Exposição Nacional de Bovinos Autóctones.
No mesmo mês, de 24 a 27, tem lugar a IV Feira do Cavalo, que reunirá mais de meia centena de criadores e que inclui um concerto de Rui Veloso.
De 23 a 25 de Julho, acontecerá a Feira de Caça, Pesca e Lazer, cujo programa paralelo de animação apresenta Dulce Pontes como cabeça de cartaz.
Para Agosto estão marcados a Feira do Artesanato, a Feira dos Petiscos e o Festival Expolima, com um cartaz que inclui os Queen on Fire (dia 12), GNR (13), Mariza e Tito Paris (14) e Vanessa da Mata (16).
O programa termina com as Feiras Novas, a última grande romaria do cartaz festivo do Alto Minho, que este ano terá lugar de 10 a 13 de Setembro, oito dias mais cedo do que é habitual.
A câmara de Ponte de Lima assinou hoje um protocolo com a Unicer para um apoio por quatro anos que torna aquela empresa no principal patrocinador das festas.
O diretor executivo da Unicer, Pires de Lima, escusou-se a revelar o montante do patrocínio, sublinhando apenas tratar-se de "um valor importante".
"Não estamos a falar de cêntimos", afirmou.
Apesar dos vários patrocínios, a câmara arca com 30 a 40 por cento do custo total dos eventos.
FONTE: Lusa

Últimas