PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Caminha

Ferry em risco de parar

28 Janeiro, 2010 - 12:01

171

0

Foi inconclusiva a reunião mantida este terça-feira no Governo Civil de Viana do Castelo entre os representantes portugueses e espanhóis, na tentativa de resolver o diferendo resultante da recusa das autoridades do pais vizinho em manter a responsabilidade pela dragagem do canal de navegação do ferry-boat " Santa Rita de Cássia", no rio Minho entre Caminha e A Guarda.

Foi inconclusiva a reunião mantida este terça-feira no Governo Civil de Viana do Castelo entre os representantes portugueses e espanhóis, na tentativa de resolver o diferendo resultante da recusa das autoridades do pais vizinho em manter a responsabilidade pela dragagem do canal de navegação do ferry-boat " Santa Rita de Cássia", no rio Minho entre Caminha e A Guarda.
O Governador Civil, Pita Guerreiro, aguarda "bom-senso de ambas as partes por forma a econtrar uma solução para que a dragagem se possa fazer, para manter o ferry-boat em funcionamento".
Júlia Paula Costa, autarca caminhense, recordou ao Jornal de Notícias que "a câmara vinha conduzindo o processo de manutenção do canal desde 1997, até que Espanha decidiu chamar a si o desassoreamento, em 2007".
A última empreitada de desassoreamento do canal, iniciada há dois anos,terminou no final de Dezembro.

Últimas