Menu

+

0

0

Paredes de Coura

Escola Profissional do Alto Minho quer Centro de Acolhimento para jovens africanos

10 Janeiro, 2011 - 15:42

233

0

A Escola Profissional do Alto Minho quer lançar, até ao próximo mês de Fevereiro, uma candidatura, para criar um centro de acolhimento e integração de estudantes oriundos dos países africanos.

A Escola Profissional do Alto Minho quer lançar, até ao próximo mês de Fevereiro, uma candidatura, para criar um centro de acolhimento e integração de estudantes oriundos dos países africanos. A ideia é transformar o antigo parque de leilões municipal num centro de acolhimento de jovens estudantes no concelho minhoto. A ideia já foi comunicada à autarquia local. O vereador Manuel Monteiro confirma o aumento do número de alunos PALOPS a frequentar a escola, facto que levou ao aparecimento desta intenção. Para já, decorrem as negociações entre o município de Paredes de Coura e a EPRAMI, relativamente à cedência do espaço, propriedade do executivo. De acordo com o vice-presidente da Câmara Municipal de Paredes de Coura, o prazo de candidatura a fundos comunitários termina em Fevereiro. O objectivo passa por acelerar todo o processo.

Últimas