PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Monção

Vinhos: Adega de Monção soma sete prémios em cinco meses

29 Maio, 2022 - 12:12

778

0

“Mercados e peritos ratificam aquilo que o mercado há muito conhece”.

O ano ainda não vai a meio e são já mais os prémios conquistados pela Adega de Monção do que os meses que o ano tem até agora.

 

Desde o Bacchus de Oro conquistados pelo Alvarinho Deu La Deu e pelo Muralhas de Monção, ambos da colheita de 2021, à Prata conquistada pelo Alvarinho Deu La Deu Reserva (colheita de 2020) na edição 2022 do Concurso Vinhos de Portugal, passando pelas 4 medalhas alcançadas no International Wine Challenge (Deu La Deu Premium e Clássico e Muralhas de Monção
branco), 2022 tem sido um ano feliz para a Adega de Monção.

 

“Os mercados e os peritos internacionais ratificam aquilo que o mercado e os especialistas nacionais há muito conhecem. Que os nossos vinhos têm evoluído no caminho certo e que as mais recentes colheitas estão à altura dos elevados pergaminhos que carregamos aos ombros, com tanto prazer e responsabilidade como carregamos os cestos aquando da vindima”, referiu o presidente da Adega de Monção, Armando Fontainhas.

 

A Adega Cooperativa de Monção possui 1.642 produtores associados, que somam uma área de vinha de 1.237 hectares e produções na ordem dos oito milhões de quilos anuais, dos quais 60% dizem respeito à casta Alvarinho.

 

Para ser possível o desenvolvimento desta atividade a Adega de Monção possui dois polos de produção, que no conjunto têm uma capacidade de receção de uvas de 700 toneladas por dia.

 

Possui ainda uma capacidade de armazenamento de vinhos superior a 10 milhões de litros.

 

A Adega de Monção possui capacidade de vinificação e engarrafamento da totalidade dos vinhos produzidos, tendo sido para o efeito adquirida em 2005 uma nova linha de engarrafamento com uma capacidade de produção de seis mil garrafas por hora.

 

 

[Fotografia: DR]

Últimas