PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

1

Monção

Monção: Folk despediu-se em grande – Enchente nas muralhas e fogo no final [VÍDEO e FOTOS]

8 Agosto, 2022 - 01:01

2184

0

Folk Monção – O Mundo a Dançar.

Foi uma despedida em grande. A gala final da 37ª edição do Folk Monção – O Mundo a Dançar começou bem… e acabou ainda melhor.

 

O início deslumbrou toda a multidão, com a Banda de Tangil a interpretar ao vivo o tema Amor a Portugal, de Dulce Pontes, que assinala o arranque de cada espetáculo.

 

Entre longos aplausos, seguiram-se as atuações dos grupos participantes na edição deste ano: Brasil, Chile, Colômbia, Costa do Marfim, EUA, Indonésia, México, Polónia e Portugal.

 

Durante a gala, foi esclarecido que o grupo de Angola não pode estar presente por “dificuldades na obtenção dos vistos”.

 

Pelo meio, mais um momento emotivo. A contar duas décadas ao serviço do Folk Monção, a Dnª Isabel já confecionou milhares de refeições para centenas de grupos de todo o mundo. Foi chamada ao palco para receber não só uma lembrança como também uma estrondosa ovação de milhares de pessoas ali presentes.

 

No final, foi a vez do Vice-Presidente da Câmara deixar uma mensagem de encerramento.

 

Enalteceu desde logo o brilhantismo da Banda de Tangil. “Não me recordo de um momento tão bonito no Folk Monção. Foi um momento de uma beleza única!”, confessou João Oliveira.

 

Já em jeito de balanço, o autarca definiu a edição deste ano do Folk Monção com uma expressão já bem conhecida de todos.

 

“Isto é a Marca Monção. É aquilo que nos diferencia! Aquilo que nos distingue! Esta força… esta resiliência… e Monção mais uma vez deixou marca”, concluiu.

 

Perto do fim, cada um dos países participantes soltou uma bandeira presa a balões de hélio. Foram soltas e todas se elevaram na noite monçanense.

 

As luzes apagaram-se… e o espetáculo pirotécnico tomou conta de todo o espaço. Uma grande sessão de fogo de artifício a partir das muralhas encantou todos os presentes como que dizendo um até para o ano.

 

 

Veja a galeria de fotos [Rádio Vale do Minho]

 

 

 

Veja os vídeos [Rádio Vale do Minho]

 

 

 

 

 

Recorde-se que a organização deste evento coube ao Rancho Folclórico da Casa do Povo de Barbeita, sobre a orientação da comissão executiva a qual se juntaram cerca de 120 voluntários.

 

Folk Monção – O Mundo a Dançar, um dos momentos mais altos do verão cultural em vários concelhos, foi reconhecido pelo C.I.O.F.F. (Conselho Internacional das Organizações de Festivais de Folclore e de Artes Tradicionais, estatuto B da UNESCO), em 2006, pelo C.I.D. (Conselho Internacional de Dança), em 2005, e pela I.O.V. (Organização Internacional das Artes Populares), em 2004.

 

Até ao momento, de acordo com a organização deste festival, já passaram por todas as edições cerca de 350 grupos oriundos de 73 países dos cinco continentes.

 

 

[Fotografias capa: Rádio Vale do Minho]

Últimas