PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

1

0

Monção

Monção chora a morte de Evaristo Cardoso – “Verdadeiro embaixador da cozinha monçanense”

20 Dezembro, 2022 - 14:56

924

0

Evaristo Cardoso morreu aos 80 anos.

O Município de Monção lamentou esta terça-feira, “profundamente”, o falecimento de Evaristo Cardoso, empresário natural deste concelho, proprietário do emblemático Restaurante Solar dos Presuntos, em Lisboa, e também conhecido como Padrinho da Foda, após ter apadrinhado a candidatura vencedora que elevou em 2018 o prato Foda à Monção a uma entre as 7 Maravilhas de Portugal à Mesa.

 

“Neste momento de enorme tristeza e consternação, registamos a enorme admiração e apreço por Evaristo Cardoso, um dos mais prestigiados e reputados chefs nacionais que contribuiu, de forma decisiva, para o desenvolvimento e afirmação da culinária monçanense e portuguesa”, enaltece a autarquia presidida por António Barbosa.

 

“Verdadeiro embaixador da cozinha monçanense em Lisboa, o percurso pessoal e profissional de Evaristo Cardoso honra os pergaminhos da nossa gastronomia e orgulha todos os monçanenses”, prossegue.

 

Cidadão de mérito do Município de Monção, desde 2004, em fevereiro passado, por ocasião do seu 80º aniversário, Evaristo Cardoso foi distinguido com a Comenda da Ordem de Mérito Empresarial, atribuída pelo Presidente da República Portuguesa, Marcelo Rebelo de Sousa.

 

Ao longo da sua extensa carreira, Evaristo Cardoso colecionou várias distinções que atestam a qualidade do Restaurante Solar dos Presuntos. Aberto no ano da revolução, 30 de outubro de 1974, ganhou, com o passar do tempo, grande notoriedade e prestígio universal.

 

As provas estão bem expressas nas paredes do Solar dos Presuntos, com fotografias de personalidades de todos os quadrantes da vida nacional e internacional, bem como nas críticas gastronómicas da comunicação social.

 

Nas décadas de oitenta e noventa do século passado, Evaristo Cardoso assumiu funções como chef da Seleção Nacional de Futebol, vendo reconhecida a sua dedicação e competência na área da gastronomia.

 

Nas entrevistas dadas a distintos órgãos de comunicação, lembrava que foram momentos inesquecíveis de grande amizade que lhe permitiram, na vertente profissional, um contacto valioso com a culinária de diferentes países.

 

 

[Fotografias: Município Monção]

Tópicos:

#Óbito

Últimas