PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Melgaço
Monção

Mérito escolar: Sonorgás atribui prémio a alunos de Monção e de Melgaço

14 Março, 2022 - 12:58

1914

0

Tem o valor da propina dos cursos do ensino superior (no valor máximo de 697 euros, conforme fixado no Orçamento do Estado para 2020).

Dois alunos do Vale do Minho, um de Monção e outro de Melgaço, estão entre os 20 contemplados com um prémio de mérito escolar atribuído pela Sonorgás, do Grupo Dourogás, no âmbito do Prémio de Mérito Engenheiro Armando Magalhães.

 

Destinado a reconhecer e valorizar o mérito e desempenho escolar, cada um destes prémios tem o valor da propina dos cursos do ensino superior (no valor máximo de 697 euros, conforme fixado no Orçamento do Estado para 2020) e distinguiu os melhores alunos do ensino secundário das escolas que integram o território em que a Sonorgás desenvolve a sua atividade.

 

Pedro Filipe Pereira dos Santos, do Agrupamento de Escolas de Monção; e Pedro Miguel Rodrigues Fernandes, do Agrupamento de Escolas de Melgaço, foram os contemplados com este apetecível prémio.

 

Criado para apoiar os alunos que se apresentem o melhor desempenho escolar nos três anos do ensino secundário, a iniciativa é também uma homenagem ao patriarca da família Magalhães que, em conjunto com a família Afonso Moreira, fizeram nascer e prosperar duas empresas dos setores do gás e das redes Sonorgás e Dourogás.

 

A Sonorgás é uma empresa do Grupo Dourogás e exerce a sua atividade no setor do Gás Natural. Criada em 2008, tem atualmente em desenvolvimento um dos mais significativos investimentos em redes de abastecimento de Gás Natural, especialmente nas regiões do Interior Norte, contribuindo de forma positiva para o desenvolvimento regional de Portugal.

 

É objetivo da Sonorgás levar o Gás Natural a todas as populações e, desta forma, reduzir o custo da energia e promover políticas ambientais, de baixo carbono, sempre de forma inovadora.

 

 

[Fotografias: Arquivo/DR]

Últimas