PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Melgaço

Melgaço: E o grande vencedor do Festival de Cinema é…

8 Agosto, 2022 - 10:31

513

0

MDOC.

O impacto do ‘Brexit’ nos habitantes de uma ilha da Irlanda do Norte, filmado pela cineasta belga Annabel Verbeke, em “Four Seasons in a Day”, venceu o prémio principal do MDOC – Festival Internacional de Documentário de Melgaço, que terminou este domingo.

 

Segundo o Observador, “No Táxi de Jack”, de Susana Nobre, conquistou o prémio de Melhor Documentário Português, segundo a decisão do júri, que distinguiu, com uma Menção Honrosa, o filme “Alcindo”, de Miguel Dores, a partir da história do homicídio de Alcindo Monteiro, em Lisboa, em 1995, num crime de ódio racial.

 

“Subtotals”, do iraniano Mohammadreza Farzad, recebeu o prémio de Melhor Curta-Metragem, na competição principal. Antigo discípulo do cineasta Béla Tarr, já distinguido no programa ‘Expanded’ do Festival de Berlim, Farzad faz uma ‘contagem’ de gestos quotidianos de famílias iranianas, através de pequenos filmes de 8mm, inspirado sobretudo no conto homónimo de Gregory Burnham, publicado na revista Harpers.

 

Nesta secção, a Menção Honrosa foi entregue a Eliane Esther Bots, por “In Flow of Words” (“No fluxo das palavras”, em tradução livre), sobre três intérpretes do Tribunal Penal Internacional, que expõem sentimentos jamais revelados nas sessões de julgamento.

 

O filme também ganhou o Prémio D. Quixote de Melhor Curta-Metragem, atribuído pela Federação Internacional de Cineclubes.

 

 

Trailer Four Seasons in a Day, de Annabel Verbeke

 

 

 

Nesta secção, o prémio de Melhor-Longa Metragem foi para “Heza”, de Derya Deniz, testemunho das mulheres Yazidi raptadas, violadas e traficadas, pelo grupo terrorista Estado Islâmico, no norte do Iraque, através da memória de uma das vítimas.

 

O vencedor do Prémio Jean-Loup Passek de Melhor Documentário, “Four Seasons in a Day” (“Quatro estações num só dia”), de Annabel Verbeke, fixa-se na perspetiva de habitantes de uma ilha da Irlanda do Norte, pela primeira vez sujeitos a uma fronteira, imposta pelo ‘Brexit’, no seu vaivém diário à Irlanda.

 

 

[Fotografia: Screen Four Seasons in a day]

Últimas