Home Melgaço Manoel Batista: ‘Portugueses vão dizer em 2015 que o país não pode ser vendido a retalho’