PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Galiza

Galiza: Tubarão de 300 quilos (nunca antes visto) aparece na ria de Arousa [VÍDEO]

4 Junho, 2022 - 00:05

1657

0

Porte do animal impressionou especialistas e investigadores.

[atualizada 0h57 – com mais informação]

 

 

O animal apareceu esta sexta-feira, sem vida, nas águas da ria de Arousa, na Galiza, Espanha.

 

Um tubarão com cerca de 300 quilos de peso impressionou todos os que o viram ao vivo, dado que nunca um animal daquele porte tinha surgido em qualquer praia ou ria da Galiza.

 

Mas a história, segundo o jornal Quincemil, tem um prólogo. Este será o mesmo tubarão que “ontem foi apanhado nas redes de um barco costeiro. Foi libertado”. No entanto, foi encontrado morto durante a manhã desta sexta-feira.

 

Refere aquele jornal que se trata da espécie Odontaspis ferox, sendo por cá conhecido por Tubarão-areia. 

 

Segundo explica o portal Spiegato, trata-se de um tubarão “lento e de fundo conhecido por sua boca cheia de dentes longos e afiados”.

 

São considerados “gentis, no entanto, e geralmente não prejudicam os seres humanos, a menos que sejam ameaçados por eles”.

 

 

 

 

 

 

O que mais terá impressionado os especialistas terá sido o peso do animal. Uma fêmea adulta, de acordo com os especialistas da DIVERSIMAR. Em média, estes animais podem crescer até quatro metros e pesar 68 quilos. Este rondava os 300.

 

Segundo o Diário de Arousa, os biólogos avançam para já a hipótese de que o animal terá entrado na ria devido ao estado de saúde débil em que se encontrava. Os especialistas verificaram que “tinha o estômago vazio e já algum tempo que não se alimentava”.

 

 

Biólogos suspeitam que animal terá entrado na ria devido a estado débil de saúde

[Fotografia: Diario de Arousa]

 

 

“Os dentes do tubarão-areia são principalmente lisos. Pontiagudos e estreitos, são longos e adequados para capturar presas pequenas. Um par de dentículos, ou pequenos esporões, também estão localizados na boca do tubarão”, refere o Spiegato.

 

A Coordenadoria para o Estudo dos Mamíferos Marinhos (CEMMA) segue agora com as investigações no sentido de tentar apurar a causa exata da morte e como chegou o tubarão até estas paragens.

 

 

 

[Fotografias capa: Dir – Tubarão encontrado sem vida Twitter Treintayseis / Esq – Ilustrativa exemplificativa]

Últimas