PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Monção

Futebol: Desportivo de Monção é o novo campeão distrital

10 Junho, 2022 - 18:56

1865

0

Histórico.

“E aqueles que por obras valerosas, Se vão da lei da morte libertando”. Assim escreveu Luís de Camões. Assim se recita esta sexta-feira, dia 10 de junho, em que o Desportivo de Monção escreveu uma página de ouro na sua história.

 

Os heróis de Deu-la-Deu venceram o Atlético dos Arcos por 2-3, no Estádio Dr. José de Matos, em Viana do Castelo, na finalíssima do campeonato da I Divisão série subida da Associação de Futebol de Viana do Castelo (AFVC).

 

São os novos campeões distritais de futebol de Viana do Castelo e ascendem na próxima época aos palcos nacionais do futebol, mais concretamente ao Campeonato de Portugal.

 

 

Desportivo não jogava… bailava

Num desafio de gigantes do futebol distrital, o Depor começou da melhor forma. Logo aos cinco minutos adiantou-se no marcador, com um chapelaço de Batista.

 

Festa nas bancadas monçanenses.

 

Alegria nas bancadas dos adeptos do Depor após o primeiro golo

[Fotografia: Screen canal 11]

 

O Atlético reagia, mas o jogo era dos monçanenses. Futebol sublime, firme, irrepreensível e à passagem do equador da primeira parte – aos 22 minutos – já lá estava outro. Era o 0-2 para o Desportivo de Monção, com recarga e assinatura de Stivan.

 

A turma de Deu-la-Deu estava imparável. Não jogava… bailava em campo. Outro, lá dentro. Loucura nas bancadas do berço do Alvarinho com 0-3, marcado por João.

 

Do lado oposto, balde de gelo nos adeptos arcuenses que assistiam nas bancadas. Jogadores do Atlético de mãos nas ancas e o treinador Paulo Almeida visivelmente irritado.

 

 

Nervos e calafrios

A segunda parte começa da pior forma para o Desportivo de Monção. Cartão vermelho para Mini, logo aos dois minutos. Depor reduzido a 10 unidades, e ainda faltavam mais de 45 minutos para o fim.

 

Previsivelmente, o Atlético começou a pressionar mais. Aos 58 minutos, defesa monumental do guarda-redes monçanense António Pedro após remate arcuense vindo de dentro da área.

 

Nervos na claque de Monção.

 

Aos 15 minutos, acontece o que já se adivinhava: golo do Atlético dos Arcos, da autoria de Edgar.

 

Os monçanenses, agora com menos um, resistiam às investidas dos arcuenses. Entretanto Paulo Almeida procedia a substituições e dava o tudo por tudo.

 

 

O inferno dos últimos minutos

Aos 44 minutos, golo do Atlético. Era o 2-3 e o Depor sofria. A claque arcuense gritava “só mais um!” e era o inferno para os monçanenses.

 

Na baliza, António Pedro salvava os monçanenses. E voltava a salvar.

 

Apitou. Final da partida. Sorrisos… abraços… lágrimas… o título é do Depor.

 

Com esta vitória, para além da proeza histórica de sagrar-se campeão distrital e ascender ao Campeonato de Portugal, o Desportivo de Monção ainda tem mais dois canecos para disputar. 

 

No próximo dia 19, em Caminha, voltará a entrar em campo para defrontar o SC Courense para discutir a Supertaça da AFVC que coloca frente a frente o vencedor do campeonato da I Divisão e o vencedor da Taça da AFVC.

 

E ainda há a Taça do Minho, onde o Depor vai defrontar o vencedor do Campeonato da Associação de Futebol de Braga.

 

 

[Fotografia: DR]

Últimas