PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Caminha

Caminha aumenta transferência de verbas para as freguesias em 20%

5 Maio, 2022 - 10:11

221

0

Apoios.

O Município de Caminha decidiu aumentar em 20% as transferências correntes para as 14 Freguesias tendo por base “circunstâncias excecionais como a da continuidade dos efeitos económico-sociais da pandemia e o aumento exponencial de preços de matérias-primas e custos de bens e serviços provocados pelo conflito armado que tem assolado a Ucrânia”.

 

“Embora não tenhamos reunido, ainda, condições para fazer a transferência de competências para as nossas freguesias, não podemos deixar de continuar a apoiá-las nos mesmos termos de anos anteriores e incrementar esse auxílio tendo em consideração os níveis de inflação e de disparo de preços que tem consumido o nosso quotidiano”, apontou o presidente da Câmara, Miguel Alves.

 

“Aumentamos as verbas previstas nos acordos de execução e vamos continuar a apoiar as freguesias do nosso concelho com apoio às obras, aos transportes escolares, às atividades de apoio à família e naquilo que for considerado necessário e estiver ao nosso alcance”, referiu o autarca.

 

Para além dos valores aprovados em reunião de Câmara, o Município já definiu os apoios a dar para a realização de investimentos e na componente de Educação, estando garantido que, neste ano de 2022, as freguesias receberam 672 mil euros aos quais se poderão juntar subsídios pontuais para a realização de atividades e administração direta de um conjunto de obras.

 

O autarca de Caminha elogia o trabalho das Freguesias que “decidindo e agindo em proximidade, servem melhor as populações” e espera que para o próximo ano “seja possível criar um quadro global de concretize a transferência de competências para as Freguesias”.

 

“Há autarquias muito diferentes – que vão da exigência urbana de Vila Praia de Âncora à complexidade dos apoios a dar à União de Freguesias das Argas, com um território extenso e de cariz mais agrícola ou florestal – e essa distinção torna mais difícil uma solução global de assunção de competências por parte das freguesias mas a ideia é continuar a fazer caminho, trabalhar em conjunto com os colegas e encontrar as melhores soluções para as populações”, prosseguiu Miguel Alves.

 

“Felizmente, hoje o Município apresenta melhores contas e podemos apoiar, um pouco mais, as nossas Freguesias”, concluiu o presidente da Câmara.

 

Segundo o Município, as transferências correntes agora aprovadas serão efetuadas já nos próximos dias, cumprindo com o adiantamento total dos montantes como já vem sendo hábito em Caminha.

 

 

[Fotografia: Arquivo/DR]

Últimas