PUBLICIDADE
3
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Caminha

Caminha: 13 das 14 freguesias (e uniões de freguesia) aderiram ao Balcão SNS24

22 Abril, 2023 - 17:44

593

0

Saúde.

A iliteracia digital de qualquer cidadão deixa, a partir de agora, de ser um obstáculo para aceder aos serviços digitais do SNS – Serviço Nacional de Saúde. As deslocações às Unidades de Saúde Familiar (USF) para realizar várias tarefas, sobretudo administrativas, deixam também de ser necessárias.

 

Isto porque bastará ir à Junta de Freguesia – treze das 14 freguesias e uniões de freguesias do concelho de Caminha asseguraram esta sexta-feira aos seus fregueses o acesso mais rápido e mais fácil aos serviços de saúde pública, através da prestação de serviços digitais e de telessaúde, facultados pelo Balcão SNS24.

 

Os representantes das freguesias assinaram o termo de adesão que permitirá operacionalizar este serviço de proximidade, facilitador para o utente, sobretudo o menos preparado para o digital, em sessão que decorreu na Biblioteca Municipal de Caminha.

 

O  Balcão SNS24 vai passar a funcionar nas freguesias aderentes: Âncora, Arga (Arga de Baixo, Arga de Cima e Arga de Baixo e Arga de S. João), Argela, Caminha e Vilarelho, Dem, Gondar e Orbacém, Lanhelas, Moledo e Cristelo, Riba de Âncora, Seixas, Venade e Azevedo, Vilar de Mouros e Vile.

 

De fora fica apenas Vila Praia de Âncora, freguesia que entendeu não aderir.

 

“Este é um primeiro passo, de muitos, para uma melhor prestação de cuidados de saúde à nossa população”, considerou o presidente da Câmara, Rui Lages, que anunciou também a entrada em funcionamento da viatura que irá percorrer todo o concelho.

 

Rui Lages agradeceu aos Presidentes das Juntas de Freguesia, pela disponibilidade para prestarem mais este serviço de proximidade aos seus cidadãos, com mais conforto, e assim contribuírem para resolver problemas e garantir bem-estar e maior segurança das pessoas na saúde.

 

O acesso e prestação de serviços digitais e de telessaúde ao cidadão, através do Balcão SNS24, será efetuado nas seguintes modalidades:

 

  • Acesso facilitado – “fornecimento ao cidadão de condições e apoio para acesso aos serviços digitais e de telessaúde do SNS, quando o mesmo não disponha de conhecimentos e/ou recursos necessários para o efeito”
  • Acesso mediado – “acesso aos serviços digitais e de telessaúde intermediado por profissional designado – Mediador Digital – para apoiar o serviço de acesso ao SNS24 Balcão, quando o cidadão não disponha de condições necessárias para efetuar a sua autenticação nos serviços digitais”.

 

A adesão das freguesias acontece no quadro do protocolo assinado entre a SPMS – Serviços Partilhados do Ministério da Saúde, E.P.E., a Administração Regional de Saúde do Norte, I.P. e a Unidade Local de Saúde do Alto Minho.

 

O Balcão SNS24 é uma espécie de “via verde” de acesso online ao SNS – Serviço Nacional de Saúde e as funcionalidades colocadas agora ao dispor do cidadão são inúmeras, desde a marcação de consultas, renovação e consulta de receituário, guias de tratamento ou acesso a resultados de exames, entre muitas outras.

 

 

[Fotografia: Município Caminha]

Tópicos:

#Saúde

Últimas