PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

0

0

Autárquicas
Destaques
Valença

Autárquicas/José Monte: “Só terei um partido: Valença!”

2 Agosto, 2021 - 18:18

57

0

PUB “Neste momento difícil que atravessamos, carregado de dificuldades fruto desta pandemia, surge pela primeira vez uma candidatura livre, verdadeiramente livre, nascida da comunidade Valenciana, que não está condicionada a […]

PUB

“Neste momento difícil que atravessamos, carregado de dificuldades fruto desta pandemia, surge pela primeira vez uma candidatura livre, verdadeiramente livre, nascida da comunidade Valenciana, que não está condicionada a qualquer orientação partidária ou a qualquer partido. Eu só terei um partido: Valença!”.

A garantia foi deixada por José Monte, candidato pelo movimento independente Fortalecer Valença à Câmara Municipal daquele concelho nas próximas eleições autárquicas.

No Monte do Faro, local emblemático de Valença e que todos os anos é palco das afamadas Festas em Honra de Nª Srª do Faro, José Monte apresentou-se aos simpatizantes numa sessão restrita devido às condicionantes provocadas pela pandemia da COVID-19.

Sem perder tempo, o candidato independente iniciou de imediato com a explicação do nome com que foi batizada a candidatura.

“Queremos fortalecer as nossas potencialidades, fortalecer os nossos recursos naturais, fortalecer a nossa economia, fortalecer os nossos serviços de saúde, fortalecer a nossa educação, fortalecer o nosso turismo, fortalecer a nossa Eurocidade Valença-Tui, fortalecer a nossa cultura de forma valorizar o que de bom tem este território”, disse.

“Somos uma terra que tem estes valores e que tem de os valorizar e fortalecer, para criar melhores condições de vida aos valencianos”.

 

“Cinco prioridades”

 

Em tom pragmático, José Monte pretende assim “construir um projeto para os valencianos, sustentado e exequível, sem promessas vãs e populistas”. Revelou então aquelas que são as “cinco prioridades” que considera serem “a base do desenvolvimento do nosso concelho para os próximos oito anos: a Saúde, Coesão Social a Educação, a Cultura, e a Economia”.

Na Saúde, o candidato independente considera que a pandemia da COVID-19 “expôs as fragilidades do nosso sistema de saúde e do nosso Centro de saúde, um equipamento que ao longo dos últimos anos foi esquecido e perdendo várias Valências, destacando as Urgências”.

José Monte pretende, por isso, “inverter esta situação junto da tutela, reforçando o papel do Município na sua gestão de forma a criar as melhores condições aos seus utentes assim como recuperar valências que nos foram retiradas”.

Na Coesão Social, “o combate à pobreza e à exclusão social, o apoio aos desempregados e às suas famílias será outra das nossas prioridades!”, exclamou.

“Queremos que Valença seja um concelho de oportunidades, um concelho atrativo e competitivo para as empresas, um concelho com grande atividade comercial, um concelho dinâmico e empreendedor!”, prosseguiu José Monte alertando para a “tendência de desertificação do concelho”.

De olhos postos nos jovens, o candidato independente assegurou que fará de Valença “um concelho onde cabem todas as gerações, queremos um concelho seguro, limpo e confortável para os idosos e um concelho competitivo e ousado para os jovens”.

 

 

José Monte apresentou-se a dezenas de simpatizantes no Monte do Faro

[Fotografia: José Monte Fortalecer Valença]

 

 

Cultura e Turismo “serão peças importantes”

 

Para José Monte, os setores da Cultura e do Turismo “serão peças importantes que vão ajudar a transformar o nosso concelho”.

“Acredito que a cultura e o turismo têm que ser um cruzamento entre o conhecimento, a arte e a ciência. Vamos potenciar a identidade cultural/turística valenciana”, garantiu.

E virou de imediato para a Educação, comprometendo-se a olhá-la como “meio de criar identidade e valores que ajudem/integrem a comunidade escolar, pais, docentes, instituições e o mais  importante os nossos jovens”.

“Envolver todos os valores neste objetivo comunitário e construir uma comunidade cada vez mais colaborativa que, mantendo a sua identidade e matriz histórica se afirme como um espaço urbano coletivamente pensado para que todos possam usufruir”, sublinhou.

 

Finalmente… a Água

 

Para o final, o candidato independente guardou um dos temas mais esperados da tarde: a adesão do Município à empresa Águas do Alto Minho.

“Este dossier, que é bastante especifico e complexo, será objeto de uma analise real e cuidada jurídico/financeira, de forma a que se possa dar a conhecer aos valencianos as exigências/custos que o Município terá caso pretenda recuperar a gestão da água em baixa”, disse.

“Assumo aqui perante todos vós, o compromisso de honrar a decisão que todos tomarmos, seja ela qual for!”, acrescentou.

“Sou candidato porque conheço Valença, conheço os problemas das pessoas, tenho uma estratégica, tenho uma equipa, tenho um projeto que vai Fortalecer Valença!”, atestou José Monte. “Eu sou o rosto do projeto, mas este é um projeto de todas e todos os valencianos!”, concluiu perante um forte aplauso do auditório.

 

[Fotografia: José Monte Fortalecer Valença]

 

PUB

Tópicos:

#Autárquicas 2021

Últimas