PUBLICIDADE
AVANÇAR

Menu

+

0

0

Monção/Melgaço

Alto Minho: Monção e Melgaço ‘tocam a rebate’ – Chamam todos para a ‘manif’ de domingo

28 Maio, 2022 - 07:42

939

0

Contra a instalação de uma linha de muito alta tensão, de 400 quilovolts (Kv), desde FonteFria, na Galiza, até à fronteira portuguesa, com prolongamento em território nacional.

Os Municípios de Monção e Melgaço lançaram esta sexta-feira o repto a toda a população no sentido de participar na manifestação contra a instalação de uma linha de muito alta tensão, de 400 quilovolts (Kv), desde FonteFria, na Galiza, até à fronteira portuguesa, com prolongamento em território nacional.

 

No próximo domingo, pelas 17h00 (hora portuguesa), a Asociacion de Afectados Pola Liña de Alta Tension Fontefria-Fronteria Portuguesa realiza uma manifestação em Valiñas-Poste (Barcela-Sela), em Arbo, contra esta instalação.

 

Esta manifestação, que conta com o apoio dos Municípios de Monção, Melgaço, As Neves e Arbo, surge na sequência da intenção do governo espanhol em manter o traçado inicial daquele empreendimento elétrico, como se constata na declaração de impacto ambiental da Direção General de Calidade y Evaluacion Ambiental, publicada no passado dia 26 de abril, no Boletin Oficial do Estado.

 

“Defendemos o bem-estar da população e do território e, por isso, rejeitamos uma linha elétrica de alta tensão que atravessa as nossas regiões”, diz o presidente da Câmara de Melgaço, Manoel Batista.

 

Reunidos na passada terça feira, em Arbo, os quatro autarcas reafirmaram a sua posição contrária à construção daquele projeto, lamentando que o governo espanhol não tivesse atendido às legitimas preocupações das populações e do poder local, manifestadas em diversos locais e de variadas formas.

 

 

[Fotografia: Ilustrativa/DR]

Últimas